Tempo acabando: veja quem deve sacar abono PIS/Pasep esquecido até este mês

O saque do abono PIS/Pasep teve início em 8 de fevereiro para os trabalhadores da iniciativa privada e 15 de fevereiro para os servidores públicos. Veja o prazo máximo para o saque.

O PIS/Pasep é um abono salarial no valor de um salário mínimo pago anualmente aos trabalhadores da iniciativa privada e aos servidores públicos. Neste ano, o abono começou a ser pago nos dias 8 e 15 de fevereiro respectivamente. O pagamento se refere ao ano-base de 2020. No entanto, quem esqueceu ou escolheu não sacar o abono do ano-base de 2019 pode solicitar o saque.

Esse público deveria ter sacado o abono PIS/Pasep entre julho de 2019 e junho de 2020. Caso deseje sacar o abono esquecido, esse público deve fazer uma requisição formal de remissão. Mas deve fazer isso o quanto antes, já que o tempo para retirar o dinheiro está acabando. O prazo máximo para sacar o abono PIS/Pasep do ano-base 2019 vai até o dia 29 de dezembro deste ano.

Esse é o mesmo prazo que os trabalhadores de iniciativa privada e servidores públicos têm para sacar o abono PIS/Pasep do ano-base de 2020 neste ano. Mas vale lembrar que esse público não precisa fazer uma requisição formal de remissão.

Como faço para sacar o abono PIS/Pasep esquecido?

Para sacar o abono PIS/Pasep esquecido, ou seja, aquele referente ao ano-base de 2019, os trabalhadores da iniciativa privada e os servidores públicos, devem, antes, fazer uma requisição formal de remissão. Veja abaixo como fazer:

  • O pedido de remissão pode ser feito de forma presencial, com a apresentação de um documento com foto em uma das unidades regionais do Ministério do Trabalho, ou;
  • O pedido de remissão pode ser feito de forma on-line, com o envio de e-mail para trabalho.uf@economia.gov.br. No lugar de “uf”, o trabalhador deve colocar a sigla do estado onde reside.

Caso, o trabalhador ou servidor público faça o pedido de remissão e não saque o abono PIS/Pasep até 29 de dezembro deste ano, ele somente poderá fazê-lo no calendário do próximo ano. Para tanto, precisará fazer uma nova requisição formal de remissão.

Quem tem direito a receber o abono PIS/Pasep?

Para ter direito a receber o abono PIS/Pasep, o trabalhador da iniciativa privada ou servidor público deve preencher alguns requisitos, quais sejam:

  • Ter recebido até dois salários mínimos mensais com carteira assinada durante o ano-base de apuração do abono;
  • Estar cadastrado no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos;
  • Ter exercido atividade remunerada durante, pelo menos, 30 dias no ano-base de apuração do abono. Esses 30 dias não precisam ser consecutivos;
  • Os dados devem ter sido atualizados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) ou no eSocial.

Como saber o valor e se tenho direito ao abono PIS/Pasep?

Para saber se tem direito ao abono PIS/Pasep e o valor que irá receber, o trabalhador pode ligar para o número 158 ou então fazer a consulta por meio do app Carteira de Trabalho Digital (Android e iOS).

Para acessar as informações acerca do abono pelo app Carteira de Trabalho Digital deve fazer o login informado seu CPF e senha da plataforma Gov.Br. Caso ainda não tenha o cadastro, basta fazê-lo na hora.

Após isso, o trabalhador deve selecionar a opção “Benefícios” e, em seguida, “Abono Salarial”. Ao fazer isso, ele saberá se tem direito ao abono salarial PIS/Pasep e qual valor irá receber.

Onde sacar o abono salarial PIS/Pasep?

O PIS, pago aos trabalhadores da iniciativa privada, é depositado na Caixa Econômica Federal. Já o Pasep, pago aos servidores públicos, é depositado no Banco do Brasil.

Leia também

você pode gostar também

Benefício de R$ 1,2 mil é pago para ESTE grupo de trabalhadores

Uma iniciativa do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) garante a um grupo específico de trabalhadores um benefício de R$ 1,2 mil em parcela única. Saiba mais sobre o assunto.

Calendário Bolsa Família de Janeiro: veja todas as datas

O valor médio do Bolsa Família atualmente é de R$ 614,21; veja quem vai receber o pagamento nesta quinta-feira.

Aposentadoria INSS: veja quem terá as parcelas ainda nesta semana

Além da aposentadoria, o INSS também paga auxílio-doença e pensão aos segurados; confira o calendário de janeiro a seguir.

Prova de Vida: INSS terá 10 meses para provar que segurado está vivo

Saiu uma portaria que regulamenta os novos procedimentos necessários para realizar a prova de vida do INSS dos segurados.

Extrato da aposentadoria do INSS já pode ser consultado via app

Benefício recebeu reajuste, consequência da alta do salário mínimo, que passou a vigorar no começo de 2023.

Empresa é obrigada a pagar auxílio-creche para mães? Confira as regras

O auxílio-creche permite que mães tenham um lugar para deixar seus filhos enquanto trabalham. Contudo, muitos não sabem se a empresa é obrigada a pagar o auxílio às mulheres.