BPC: saiba como funciona o cartão magnético para receber o benefício

O cartão magnético do BPC é entregue diretamente para o beneficiário. A carta de concessão informa em qual banco é possível fazer o saque.

Idosos acima de 65 anos de idade e pessoas com deficiência (PcD) em qualquer faixa etária podem receber o Benefício de Prestação Continuada (BPC). Esse é um auxílio voltado para brasileiros que vivem em situação de baixa renda. Ao se inscrever no BPC, o beneficiário recebe as parcelas por meio de um cartão magnético.

É importante saber que o pagamento é regulamentado pelo Ministério da Cidadania (MC) e gerenciado pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). No entanto, não é uma aposentadoria nem pensão e, portanto, não dá direito a 13° salário. Além disso, pode ser finalizado caso o beneficiário deixe de preencher os requisitos.

Como funciona o cartão magnético do BPC?

O Benefício de Prestação Continuada é pago em valor equivalente a um salário mínimo vigente. Em 2022, a quantia mensal foi de R$ 1.212 e poderá subir para R$ 1.302 no próximo ano. De acordo com o Guia do BPC, divulgado pelo Ministério da Cidadania, as parcelas são repassadas diretamente para o beneficiário por meio do banco autorizado.

“O primeiro pagamento é feito presencialmente, na agência bancária indicada pelo INSS. Depois, é disponibilizado um cartão magnético, que é usado apenas para o pagamento do BPC. O cartão é gratuito e o beneficiário não precisa comprar nenhum serviço ou produto do banco”, informa o documento.

Com esse cartão, o beneficiário pode realizar o saque do benefício de forma fácil e simplificada. Vale ressaltar que a instituição financeira responsável pelo pagamento é informada na carta de notificação de concessão do BPC. Ainda segundo o Guia, o dinheiro pode ser recebido por meio de conta-corrente ou conta-poupança.

Quais são as regras para receber o BPC?

Para ter direito ao BPC e receber o seu cartão magnético, é preciso cumprir uma série de requisitos. Idosos podem ter direito ao repasse quando atingirem os 65 anos de idade. Já quem é PcD precisa comprovar que sua deficiência causa impedimentos físico, mental, intelectual ou sensorial com efeitos por dois anos ou mais.

Em qualquer um dos casos, é necessário ter inscrição ativa no CadÚnico, com os dados atualizados. O interessado em ter acesso aos valores também precisa comprovar ter renda familiar mensal de até 1/4 do salário mínimo. O BPC só é válido enquanto o beneficiário estiver vivo e dentro dos critérios.

Ou seja, caso a pessoa que recebe o BPC faleça, o pagamento não é repassado para os familiares. É importante pontuar que esse benefício não pode ser acumulado com aposentadoria, seguro-desemprego, pensão e similares.

Como fazer para solicitar o BPC?

Quem quiser pedir o benefício deve se apresentar numa Agência da Previdência Social, portando o CPF. Lembrando que, para isso, é preciso estar registrado no CadÚnico. A solicitação do BPC pode ser feita pelo portal Meu INSS em apenas alguns minutos, seguindo os passos abaixo:

  1. Entrar com CPF e senha cadastrados no Gov.br;
  2. No menu, clicar em “Agendar Perícia” e depois em “Perícia Inicial”;
  3. Na barra de pesquisa, informar o benefício desejado;
  4. Clicar sobre o BPC na lista de auxílios;
  5. Seguir as demais orientações da plataforma.

Depois disso, é possível acessar o Meu INSS novamente para acompanhar as etapas da concessão. Você pode obter mais informações ligando para o INSS no telefone 135 ou para o MC no número 121.

Leia também

você pode gostar também

Abono PIS/Pasep 2023 começa a ser pago neste mês; veja quem recebe

O abono PIS/Pasep é um valor destinado aos trabalhadores da iniciativa privada e aos servidores públicos. Confira quem pode receber e quais são os valores de 2023.

Bolsa Família de fevereiro terá datas diferentes; confira o calendário

Pagamentos do Bolsa Família para o mês de fevereiro já possuem datas definidas. Programa repassa R$ 600 ao beneficiário.

Salário-família é pago para trabalhadores com filhos; veja as regras

O salário-família é um benefício pago pelo INSS. Para terem direito, os trabalhadores com filhos devem preencher os requisitos de acesso. Veja aqui quais são.

Auxílio Gás volta a ser pago neste mês; veja calendário completo

Pagamentos do Auxílio Gás para o mês de fevereiro começarão no dia 13. Milhões de pessoas deverão ser beneficiadas pelo programa.

Bolsa Família vai mudar em 2023? Veja quais são os planos do governo

O Bolsa Família é um programa governamental essencial para milhões de famílias do país. Com a volta do governo Lula, o benefício deve passar por algumas mudanças em 2023.

Nova Prova de Vida é regulamentada pelo INSS; veja como será o processo

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) deverá comprovar que cerca de 17 milhões de beneficiários continuam vivos, em 2023.