Saiba como é possível consultar o BPC de R$ 1,2 mil pelo CPF

O BPC é um benefício coordenado pelo Ministério da Cidadania e operacionalizado pelo Instituto Nacional do Seguro Social; veja como consultá-lo pelo seu CPF.

O Benefício de Prestação Continuada (BPC) é gerido pelo Ministério da Cidadania e está previsto na Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS). Em suma, por meio dele, pessoas com deficiência (de qualquer idade) e idosos com 65 anos ou mais têm o direito, assegurado pela LOAS, de receber o valor de um salário mínimo por mês (R$ 1.202), mesmo que nunca tenham contribuído para a Previdência Social.

No entanto, esse benefício é concedido apenas para pessoas em situação de vulnerabilidade social que não tenham como se manter ou serem mantidos por suas famílias. Veja como é possível obter esse direito e como consultá-lo pelo CPF.

Quem tem direito de receber mensalmente o BPC?

  • 65 anos ou mais: o interessado precisa comprovar idade mínima de 65 anos, tanto para homens quanto para mulheres.
  • Pessoas com deficiência: neste caso não há uma idade mínima para receber o benefício. No entanto, é necessário que o solicitante apresente alguma incapacidade de exercer atividade profissional a longo prazo, seja ela de natureza física, mental, sensorial ou intelectual.

Além disso, é preciso ter renda familiar inferior a um quarto do salário mínimo por pessoa que resida na mesma casa (atualmente R$ 303). O requerente também precisa estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) e não ser beneficiário de qualquer outro tipo de benefício ou aposentadoria do INSS.

Como consultar o benefício pelo CPF?

Existem três formas simples e fáceis para consultar o BPC usando o CPF, confira abaixo:

1. Acessando o site do Meu INSS

O portal Meu INSS oferece uma gama de serviços gratuitos para aposentados, pensionistas e segurados da Previdência. Assim, na plataforma é possível consultar informações previdenciárias, ter acesso a extratos e históricos dos benefícios e ainda realizar agendamentos e solicitações.

Para acessá-lo é preciso ter um login único ou uma conta gov.br, que permite o uso aos demais serviços ofertados pelo governo federal.

Desse modo, usando o seu CPF e senha, fazendo login com QR code, logando pelos bancos cadastrados ou ainda usando certificado digital ou certificado digital em nuvem, você pode entrar no portal Meu INSS e consultar todas as informações relacionadas ao BPC.

2. Baixando o aplicativo Meu INSS

No aplicativo Meu INSS (disponível para Android e iOS) o acesso é ainda mais fácil. Usando o CPF e a senha cadastrada no gov.br. você pode fazer a consulta do Benefício de Prestação Continuada pelo celular ou tablet conectado a internet.

Assim, o app Meu INSS serve como uma alternativa aos beneficiários que desejam fazer uma consulta rápida utilizando um dispositivo móvel.

3. Por telefone, entrando em contato com a central de atendimento do INSS

Você pode consultar o benefício do INSS ligando na central de atendimento do INSS, no número 135. Ao ligar no referido número, o titular do benefício deve informar o seu CPF, e assim pedir informações sobre o BPC.

As ligações nesse número são gratuitas, desde que sejam realizadas a partir de telefones fixos ou públicos. Se você ligar do celular, o custo da chamada é equivalente a uma ligação local. A central de atendimento do INSS (135) funciona de segunda a sábado, de 7h às 22h, ou seja, exceto finais de semana e feriados.

Por fim, vale ressaltar que em caso de bloqueio ou indeferimento do benefício, o INSS envia uma carta contendo as instruções necessárias, para a residência do requerente no endereço cadastrado pelo mesmo.

Leia também

você pode gostar também

Benefício de R$ 1,2 mil é pago para ESTE grupo de trabalhadores

Uma iniciativa do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) garante a um grupo específico de trabalhadores um benefício de R$ 1,2 mil em parcela única. Saiba mais sobre o assunto.

Calendário Bolsa Família de Janeiro: veja todas as datas

O valor médio do Bolsa Família atualmente é de R$ 614,21; veja quem vai receber o pagamento nesta quinta-feira.

Aposentadoria INSS: veja quem terá as parcelas ainda nesta semana

Além da aposentadoria, o INSS também paga auxílio-doença e pensão aos segurados; confira o calendário de janeiro a seguir.

Prova de Vida: INSS terá 10 meses para provar que segurado está vivo

Saiu uma portaria que regulamenta os novos procedimentos necessários para realizar a prova de vida do INSS dos segurados.

Extrato da aposentadoria do INSS já pode ser consultado via app

Benefício recebeu reajuste, consequência da alta do salário mínimo, que passou a vigorar no começo de 2023.

Empresa é obrigada a pagar auxílio-creche para mães? Confira as regras

O auxílio-creche permite que mães tenham um lugar para deixar seus filhos enquanto trabalham. Contudo, muitos não sabem se a empresa é obrigada a pagar o auxílio às mulheres.