INSS: projeto prevê antecipação do benefício nos meses de janeiro

Proposta em tramitação na Câmara dos Deputados tem como objetivo aliviar o orçamento das famílias nos primeiros meses do ano e evitar endividamento.

O Projeto de Lei 809/22, em tramitação na Câmara dos Deputados, prevê antecipação de benefícios cedidos pelo INSS a beneficiários da previdência e de programas sociais do governo, que visam amparar as famílias mais necessitadas. A proposta, de autoria do deputado Delegado Antônio Furtado (União-RJ), inclui também os servidores federais civis e militares e segue em análise na Câmara.

O texto prevê adiantamento para janeiro de um mês de remuneração, ou salário, ou soldo, ou benefício ou auxílio. O adiantamento, inclusive, seria restituído até o mês de dezembro do mesmo ano, desde que sejam descontadas 11 parcelas iguais e sucessivas, levando em conta o abono natalino.

De acordo com o propositor, janeiro é um mês em que as famílias têm maior chance de endividamento. É o mês de contas importantes, como IPTU, IPVA, além de gastos com materiais escolares e tudo mais.

Projeto de lei permite adiantamento de benefícios do INSS

O Projeto de Lei 809/22 é de autoria do deputado Delegado Antônio Furtado (União – RJ) e prevê adiantamento de salário, remuneração e de benefícios sociais para famílias que se encontram em situação vulnerável e dependem do INSS.

Segundo o texto do projeto, pesquisas apontam que historicamente o mês de janeiro é conhecido por ser o período em que as famílias brasileiras encontram mais dificuldade financeira. Nesse período estão reservadas contas que acabam comprometendo o orçamento familiar e muitas contraem dívidas.

Nesse sentido, o adiantamento previsto pelo projeto de lei viria para desafogar milhares de famílias. O montante seria descontado (sem correção monetária) dos beneficiários do INSS nos 11 meses seguintes e também no abono natalino (13º salário).

O texto apresentado também prevê uma reunião de contas, para casos em que os benefícios ou assistência do governo forem interrompidos antes da liberação. Ainda, o Projeto de Lei define que o valor não usado em janeiro será restituído à instituição pagadora, com correções monetárias devidas.

Tramitação do projeto

O Projeto de Lei 809/22, que dispõe sobre o plano de antecipação de renda mensal, inclui benefícios do INSS, auxílio, remuneração, soldo e inclui servidores federais civis e militares, além dos beneficiários da Previdência Social e de programas sociais do governo.

Nesse sentido, a proposta foi apresentada pelo deputado Delegado Antônio Furtado (União – RJ), passando pela Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público. Nesta instância, o projeto de lei foi aprovado, com alguns pontos substitutivos, propostos pelo relator, o deputado Mauro Nazif (PSB – RO).

Tramitando em caráter conclusivo, se o projeto for aprovado em todas as comissões, ele segue para o Senado sem passar pelo plenário. Assim, o projeto ainda segue o caminho e passará por análises na Comissão de Seguridade Social e Família, na Comissão de Finanças e Tributação, até chegar à Comissão de Constituição e Justiça e Cidadania.

Leia também

você pode gostar também

Calendário do INSS: aposentadoria é depositada para mais um grupo

Nesta sexta-feira, o INSS também paga o benefício a pensionistas e a trabalhadores que recebem o auxílio-doença; veja o calendário de janeiro.

Como saber quanto vou receber de Abono PIS/Pasep? Saiba calcular

Com a chegada de 2023, muitos trabalhadores passam a aguardar pela liberação dos valores do abono PIS/Pasep. Saber quanto irá receber é essencial para se organizar durante os envios.

Desempregados podem ter acesso a transporte público gratuito

Projeto de Lei está tramitando na Câmara dos Deputados. Caso seja aprovado, população de baixa renda e desempregados podem ter acesso a transporte público gratuito.

CadÚnico dá direito à isenção em concurso público? Entenda as regras

Pagar a taxa de inscrição para participar de concursos públicos pode desestruturar as finanças de muitas pessoas; veja se o cadastro no banco de dados do governo ajuda.

Auxílio Gás terá sua primeira parcela de 2023 em fevereiro; confira o valor

O pagamento do Auxílio Gás, benefício destinado às famílias de baixa renda, ocorre a cada dois meses. A primeira parcela deste ano será paga em fevereiro.

Benefício de R$ 1,2 mil é pago para ESTE grupo de trabalhadores

Uma iniciativa do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) garante a um grupo específico de trabalhadores um benefício de R$ 1,2 mil em parcela única. Saiba mais sobre o assunto.