Abono PIS: veja como consultar o lote extra que foi liberado neste ano

O novo lote extra do Abono Salarial já foi liberado para aproximadamente 1,1 milhão de beneficiários no Brasil.

A Caixa Econômica Federal, responsável por efetuar pagamentos, confirmou a liberação do lote extra do abono PIS, que foi depositado no dia 17 de outubro deste ano. O saque do benefício, pago a cada trabalhador que cumpra com os requisitos necessários, ficará disponível até o dia 29 de dezembro de 2022.

A parte do repasse extra trata dos benefícios antigos que passaram por uma revisão de valores ou foram solicitados na Justiça, como também dos que não foram sacados no prazo dos calendários já encerrados nos anos de 2016 a 2020. Além disso, o valor a ser recebido depende do quanto cada empregado trabalhou no referido ano-base.

Em suma, de acordo com a Caixa, cada trabalhador receberá, conforme o cálculo dos meses trabalhados ao longo do ano, cerca de R$ 398,99, com parcelas entre R$ 101,00 a R$ 1.212,00, que corresponde ao teto do benefício no ano de 2022. Veja a seguir quais são as regras que devem ser cumpridas para ter direito ao abono extra.

Quais trabalhadores possuem direito ao lote extra do abono PIS?

O PIS (Programa de Integração Social) é um direito de todo o empregado que tenha carteira assinada e receba até dois salários mínimos mensais. Além disso, é necessário que o trabalhador tenha prestado serviços por no mínimo 30 dias no ano-base do pagamento do benefício e esteja inscrito por pelo menos 5 anos no PIS.

Ainda, é necessário, para o recebimento do abono extra do PIS, que o trabalhador tenha os seus dados cadastrais atualizados pela empresa na Relação Anual de Informações Sociais (Rais) ou eSocial.

Vale destacar que o pagamento do abono extra é feito diretamente nas contas da Caixa Econômica Federal para os trabalhadores que já são correntistas do banco. Nesse caso, para os que não são correntistas na Caixa, estes deverão abrir contas sociais digitais no aplicativo Caixa Tem para receber o benefício.

Como consultar o PIS pelo seu CPF?

Você pode realizar a consulta do PIS por meio do seu CPF, através das seguintes formas:

Por telefone

Você pode efetuar uma ligação para o número 135 da Previdência Social para consultar seu número de PIS através do seu CPF e posteriormente se informar sobre o valor disponível que cabe a você receber de acordo com o ano-base.

O atendimento pelo telefone fica disponível de segunda a sábado, das 7 horas às 22 horas. E também há os números telefônicos da Caixa, sendo o 111 ou o 0800 726 0207.

Por meio dos aplicativos e sites

  • Carteira de Trabalho Digital: na CTPS digital, basta inserir o número do seu CPF para conferir o seu número do PIS por meio do contrato registrado;
  • FGTS: no aplicativo do FGTS, também é possível conferir o número do PIS pelo CPF;
  • Caixa Trabalhador e Caixa Tem: a Caixa Econômica Federal, também permite a consulta do PIS/Pasep através do CPF nestes aplicativos;
  • Caixa: pelo site da Caixa, você também pode consultar informações sobre o PIS por meio de seu CPF;
  • Pelo portal Cidadão.

Leia também

você pode gostar também

Calendário do INSS: aposentadoria é depositada para mais um grupo

Nesta sexta-feira, o INSS também paga o benefício a pensionistas e a trabalhadores que recebem o auxílio-doença; veja o calendário de janeiro.

Como saber quanto vou receber de Abono PIS/Pasep? Saiba calcular

Com a chegada de 2023, muitos trabalhadores passam a aguardar pela liberação dos valores do abono PIS/Pasep. Saber quanto irá receber é essencial para se organizar durante os envios.

Desempregados podem ter acesso a transporte público gratuito

Projeto de Lei está tramitando na Câmara dos Deputados. Caso seja aprovado, população de baixa renda e desempregados podem ter acesso a transporte público gratuito.

CadÚnico dá direito à isenção em concurso público? Entenda as regras

Pagar a taxa de inscrição para participar de concursos públicos pode desestruturar as finanças de muitas pessoas; veja se o cadastro no banco de dados do governo ajuda.

Auxílio Gás terá sua primeira parcela de 2023 em fevereiro; confira o valor

O pagamento do Auxílio Gás, benefício destinado às famílias de baixa renda, ocorre a cada dois meses. A primeira parcela deste ano será paga em fevereiro.

Benefício de R$ 1,2 mil é pago para ESTE grupo de trabalhadores

Uma iniciativa do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) garante a um grupo específico de trabalhadores um benefício de R$ 1,2 mil em parcela única. Saiba mais sobre o assunto.