Benefício do INSS em dobro pode ser liberado em janeiro? Veja o que se sabe

Projeto de Lei prevê a liberação de benefício do INSS em dobro para aposentados e pensionistas, bem como outras classes de trabalhadores.

Está tramitando na Câmara dos Deputados um projeto de lei (PL) que prevê a antecipação de um mês de remuneração no início de cada ano, incluindo salários, aposentadorias e outros pagamentos similares. Caso a proposta seja aprovada, passará a ser possível receber benefício do INSS em dobro no mês de janeiro.

Leia também

A medida servirá como uma forma de empréstimo para trabalhadores da ativa e também aposentados poderem arcar com as contas de início de ano, como IPTU e IPVA, por exemplo. O plano é voltado para servidores civis e militares, podendo ser aderido pelos estados, municípios e Distrito Federal.

Como vai funcionar o benefício do INSS em dobro?

benefício inss em dobro, benefício em dobro, benefício inss dobrado, antecipação benefício inss
Foto: montagem / Pixabay – Canva PRO

O PL 809/2022, de autoria do deputado Delegado Antônio Furtado, permite que servidores peçam um adiantamento dos valores que recebem mensalmente. Esse pagamento pode ser equivalente a um mês de salário, do soldo, de programa social ou de repasse da Previdência Social.

O texto que autoriza benefício em dobro para segurados do INSS servirá para garantir que as pessoas consigam quitar dívidas e suprir demais necessidades básicas do início do ano. Isso porque “janeiro é o mês de maior dificuldade financeira para os brasileiros, devido aos gastos com IPVA, IPTU e matrículas e materiais escolares”, pontuou Furtado.

De acordo com a proposta:

  • Só será possível solicitar o equivalente a um mês de recebimento;
  • O valor será repassado no mês de janeiro;
  • A quantia antecipada será descontada das 11 remunerações seguintes, inclusive do abono natalino.

Dessa forma, caso o PL seja aprovado, aposentados e pensionistas do INSS poderão ter acesso a benefício em dobro já no início do ano. De acordo com o autor do texto, essa é uma maneira de ajudar a “fortalecer a renda das famílias para que não necessitem se afundar em dívidas“.

O sistema servirá como uma espécie de empréstimo sem taxa de juros e deverá ser quitado até dezembro do ano em que a antecipação for solicitada. “Os valores deverão ser descontados sem qualquer custo ou correção monetária”, informa o projeto de lei. Caso o trabalhador perca sua remuneração, “deverá ser providenciado o encontro de contas entre o valor devido pelo beneficiário e o crédito a ser recebido”.

Quando sairá a aprovação do projeto de lei?

Para que o benefício do INSS em dobro comece a valer, existem algumas etapas a serem cumpridas. A primeira é conseguir aprovação total da Câmara dos Deputados. Sendo assim, o texto precisa conseguir o aval de quatro comissões:

  • Trabalho, Administração e Serviço Público (CTASP);
  • Seguridade Social e Família (CSSF);
  • Finanças e Tributação (CFT);
  • Constituição e Justiça e Cidadania (CCJC).

O PL já foi analisado e aprovado pela CTASP e, desde julho, aguarda votação na CSSF. Caso a proposta passe em todas as instâncias, será enviada ao Senado Federal, onde também será avaliada. Na segunda Casa Legislativa, podem acontecer duas coisas:

  • Sugestões de mudança no projeto, fazendo o texto retornar à Câmara; ou
  • Aprovação do benefício do INSS em dobro sem nenhuma alteração.

Se prevalecer o segundo cenário, o texto deve seguir para sanção presidencial e, então, entrar em vigor. A expectativa era de que a antecipação fosse liberada já em 2023. No entanto, não há previsão de quando serão realizadas as votações.

Leia também


você pode gostar também

Auxílio Brasil: veja quem tem direito ao valor de até R$ 1,2 mil neste mês

Além do Auxílio Brasil, existe uma série de benefícios complementas que podem aumentar o valor inicial das parcelas.

FGTS tem novo saque liberado e valores podem superar R$ 3,9 mil

Novo saque do FGTS foi liberado para vários trabalhadores. Dinheiro faz parte do saque-aniversário e pode ser solicitado de forma online.

13º salário extra do INSS ainda terá 11 saques em 2022; veja datas

O 13º salário extra do INSS começou a ser pago no dia 24. A partir de agora, restam 11 saques até o final do ano. Confira as datas.

Troca da pensão pelo BPC de R$ 1,2 mil passa a ser permitida; veja regras

Após decisão dos Juizados Especiais Federais, troca da pensão pelo BPC de R$ 1,2 mil passa a ser permitida.

Novo lote do PIS/Pasep: saiba quem terá direito ao abono em 2023

Abono PIS/Pasep, com ano-base de 2021, deve ser pago entre os meses de janeiro e dezembro 2023. Veja quem pode receber.

Internet Brasil: chips com banda larga gratuita começarão a ser distribuídos

Confira regras do programa, o que já se sabe e quem serão as primeiras pessoas contempladas no país.