2 benefícios do Auxílio Brasil podem ser acumulados com os R$ 600; veja quais

Os dois benefícios do Auxílio Brasil que podem ser acumulados com os R$ 600 mensais do programa social preveem o atendimento de gestantes e jovens atletas brasileiros.

O Programa Auxílio Brasil possui 2 benefícios que podem ser acumulados com os R$ 600 mensais, pois a iniciativa social do Governo Federal possui diversas frentes de atuação. Neste sentido, os benefícios paralelos e cumulativos atuam na missão de promover cidadania, escolaridade, renda, empregabilidade e moradia aos brasileiros.

Leia também

Apesar disso, ambos atendem grupos específicos e possuem as próprias regras de elegibilidade para os cidadãos socialmente vulneráveis inscritos no programa de transferência de renda. Desse modo, deve-se ficar atento a essas particularidades para realizar a solicitação. Saiba mais a seguir:

Quais são os 2 benefícios do Auxílio Brasil que podem ser acumulados?

1) Benefício de Composição Gestante

2 benefícios do Auxílio Brasil podem ser acumulados com os R$ 600; veja quais
Veja quais benefícios podem ser acumulados. Foto: Pexels.

O Benefício de Composição Gestante (BCG) consiste num benefício complementar que integrou o pacote do Auxílio Brasil em março deste ano, após publicação da instrução normativa no Diário Oficial da União. No geral, o objetivo do BCG é aumentar a proteção das mães e bebês durante o período da gestação.

Sendo assim, pretende auxiliar na fase do desenvolvimento infantil por meio do pagamento de R$ 65 para cada mulher grávida na família beneficiária do Auxílio Brasil. No entanto, as parcelas serão pagas exatamente ao longo de nove meses, sem considerar o estágio da gravidez ou se o pré-natal está em andamento.

As famílias que tenham mais de uma gestante poderá receber mais de um pagamento. Segundo as regras estabelecidas na instrução normativa, o Benefício de Composição Gestante será concedido individualmente a cada gestante.

Ainda, a concessão de um novo BCG poderá acontecer somente após 12 meses desde o encerramento das transferências anteriores, mesmo que haja uma nova gestação nesse tempo.

O benefício não será concedido caso o registro da gestação tenha sido realizado depois da data provável do parto. Para calcular isso, serão consideradas até 42 semanas após a última menstruação da pessoa gestante.

Para viabilização do programa, o Ministério da Saúde trabalha com o repasse para o Ministério da Cidadania das informações das gestantes no cadastro do SUS. Portanto, essa base de dados é fundamental para a concessão do benefício, de modo que seja feito automaticamente e sem necessidade de solicitação das gestantes elegíveis.

2) Auxílio Esporte Escolar

O Auxílio Esporte Escolar é outro benefício que pode ser acumulado com os R$ 600 mensais do Auxílio Brasil. No entanto, é concedido exclusivamente aos estudantes que possuem destaque nas competições oficiais inscritas no Sistema de Jogos Escolares Brasileiros.

Portanto, atende os jovens que possuem entre 12 a 17 anos incompletos e são membros de famílias brasileiras inscritas no Programa Auxílio Brasil. Entretanto, é considerado como destaque nos Jogos Escolares ficar até a terceira colocação nas modalidades individuais ou coletivas.

Cada atleta juvenil receberá 12 parcelas mensais de R$ 100, e a família recebe uma parcela única de R$ 1 mil. Contudo, caso haja mais de um atleta considerado elegível na família, o Ministério da Cidadania concede um número proporcional de benefícios mensais.

Como um benefício cumulativo, o pagamento será feito junto com as parcelas do Auxílio Brasil. Atualmente, existe uma ordem de prioridade no atendimento, seguindo esta ordem:

  • Inscritos e participantes na fase nacional de competições do Comitê Olímpico do Brasil, da Confederação Brasileira do Desporto Escolar e do Comitê Paralímpico Brasileiro;
  • Primeiros colocados nas fases regionais, estaduais e distritais;
  • Segundos colocados nas fases regionais, estaduais e distritais;
  • Terceiros colocados nas fases regionais, estaduais e distritais.

Leia também


você pode gostar também

Auxílio Brasil dobrado em dezembro: veja quem pode receber até R$ 1,2 mil

Auxílio Brasil dobrado em dezembro é uma possibilidade para pessoas que cumprirem regras específicas do programa.

BPC bloqueado ou suspenso? Saiba como reativar o benefício de R$ 1,2 mil

Falta de atualização cadastral é um dos principais motivos para o bloqueio do benefício, pago a um grupo específico de contribuintes previdenciários.

Aposentadoria: saiba quem tem direito ao adicional de 25% no valor

Alguns aposentados do INSS têm direito a receber um adicional de 25% no valor de seus benefícios mensais. Veja como funciona essa regra.

BPC: saiba se o benefício pode ser acumulado com aposentadoria

Por ter natureza assistencial, o BPC gera algumas dúvidas em seus beneficiários. Uma delas é se o benefício pode ser acumulado com aposentadoria. Se você também tem essa dúvida, confira neste texto a resposta.

Minha Casa Minha Vida: comissão aprova projeto para renegociação de dívidas

O objetivo do projeto é oferecer aos beneficiários a oportunidade de regularizar sua situação com descontos sobre multas e juros moratórios. Descubra neste texto o que falta para o projeto virar lei.

Salário-Maternidade Urbano do INSS: veja regras oficiais e como solicitar

Benefício é cedido a pessoas que precisam se afastar do trabalho ao completarem uma gestação e em outras situações como adoção, por exemplo.