Auxílio Brasil é sancionado pelo governo e terá 9 benefícios; entenda

Lei que determina as regras do Auxílio Brasil foi finalmente sancionada e publicada no Diário Oficial da União (DOU).

O presidente Jair Bolsonaro (PL) sancionou a lei que cria oficialmente o Auxílio Brasil, programa de transferência de renda que substituirá o Bolsa Família. Além dos pagamentos mensais, o Auxílio Brasil ainda contará com 9 benefícios.

Apesar da sanção, o presidente vetou o trecho sobre a proibição da fila de inclusão no programa. O decreto da criação do Auxílio Brasil foi publicado no Diário Oficial da União (DOU), na edição de 30 de dezembro de 2021.

Auxílio Brasil: benefícios

O Auxílio Brasil contará com 9 benefícios que são divididos em dois grupos diferentes. Veja a distribuição logo abaixo:

Auxílio Brasil: benefícios do Núcleo Básico

Benefício Primeira Infância: repasses para famílias que tenham crianças entre zero e 36 meses incompletos.

Benefício Composição Familiar: benefício para jovens e adultos de até 21 anos incompletos. É preciso que os jovens estejam estudando e concluam ao menos um nível de escolarização.

Benefício de Superação da Extrema Pobreza: se os benefícios anteriores não forem suficientes, pagamentos serão feitos para as famílias saírem da situação de extrema pobreza. Não há limite de membros na família.

Auxílio Brasil: demais benefícios

Auxílio Esporte Escolar: repasses para estudantes entre 12 e 17 anos que se destaquem em competições esportivas escolares oficiais (reconhecidas pelo governo).

Bolsa de Iniciação Científica Júnior: pagamentos para estudantes com desempenho de destaque em competições acadêmicas e científicas e que sejam beneficiários do Auxílio Brasil. Repasses serão em 12 parcelas mensais e não há número máximo de beneficiários por família.

Auxílio Criança Cidadã: dinheiro para que famílias paguem por creches particulares sem convênio com o governo. É preciso ter criança de zero a 48 meses incompletos e comprovar que não há fonte de renda.

Auxílio Inclusão Produtiva Rural: dinheiro para que o beneficiário invista na sua produção rural. Ainda haverá uma capacitação técnica.

Auxílio Inclusão Produtiva Urbana: pagamentos para que o beneficiário obtenha emprego formal, como forma de incentivo.

Benefício Compensatório de Transição: pessoas que estavam recebendo Bolsa Família e perderam parte dos recursos na transição para o Auxílio Brasil receberão uma compensação até que elas sejam inclusas em uma das categorias citadas anteriormente.

Leia também

você pode gostar também