Auxílio Brasil: governo edita MP para pagar valor de R$ 400 neste mês; entenda

O governo federal ainda tem objetivo de incluir mais beneficiários nos repasses do Auxílio Brasil.

O governo federal editou o texto da Medida Provisória (MP) 1.076 de 2021, que vai permitir o pagamento do Auxílio Brasil no valor mínimo de R$ 400 aos beneficiários ainda em dezembro de 2021. A publicação foi feita na edição extra do Diário Oficial da União, de 07 de dezembro de 2021.

De acordo com o texto, um benefício extraordinário será criado para complementar as parcelas do benefício para chegar aos R$ 400 prometidos pelo governo.

Essa manobra será realizada devido à necessidade de promulgação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) dos Precatórios, que poderá ser dividida e possibilitará a disponibilização dos recursos para o pagamento total do Auxílio Brasil.

Auxílio Brasil de R$ 400 em dezembro?

Por meio da Medida Provisória divulgada nesta terça-feira, os pagamentos do Auxílio Brasil no valor mínimo de R$ 400 devem acontecer já neste mês de dezembro.

Dessa forma, caso a PEC dos Precatórios não seja promulgada até janeiro de 2022, essa complementação “extraordinária” será prorrogada para evitar a interrupção dos pagamentos.

Segundo o governo federal, a complementação será paga a partir da próxima sexta-feira (10/12), junto com o calendário regular que já havia sido anunciado:

  • 10 de dezembro para os beneficiários com NIS final 1;
  • 13 de dezembro para quem possui NIS final 2;
  • 14 de dezembro para quem possui NIS final 3;
  • 15 de dezembro para quem possui NIS final 4;
  • 16 de dezembro para quem possui NIS final 5;
  • 17 de dezembro para quem possui NIS final 6;
  • 20 de dezembro para quem possui NIS final 7;
  • 21 de dezembro para quem possui NIS final 8;
  • 22 de dezembro para quem possui NIS final 9;
  • 23 de dezembro para quem possui NIS final 0.

Quem recebe o Auxílio Brasil?

Os valores liberados no mês de novembro, que foi a primeira parcela do Auxílio Brasil, foram apenas aos antigos beneficiários do Bolsa Família. Segundo o governo federal, a expectativa é de que aproximadamente 3 milhões de famílias sejam incluídas em breve.

O pagamento do Auxílio Brasil é direcionado às famílias com renda per capita de até R$ 100, que são aquelas que se encontram em situação de extrema pobreza, ou para famílias com renda per capita de até R$ 200, que correspondem à situação de pobreza.

Leia também

você pode gostar também