Auxílio emergencial: Dataprev libera consulta das últimas parcelas; saiba como fazer

Com governo fazendo pente-fino, é importante fazer a consulta das últimas parcelas do auxílio emergencial na Dataprev.

A Dataprev liberou a consulta das últimas parcelas do auxílio emergencial. Sendo assim, beneficiários que fazem parte do grupo do Bolsa Família ou do grupo de trabalhadores e inscritos no CadÚnico podem saber se receberão ou não a 6ª e a 7ª parcela.

Vale lembrar que o governo federal vem fazendo um pente-fino nos pagamentos do benefício com o objetivo de evitar fraudes e pagamentos indevidos. Por isso, muitos brasileiros foram excluídos e nem sabem da decisão. Portanto, é fundamental verificar o seu status no auxílio emergencial.

Consulta das últimas parcelas do auxílio emergencial

Para realizar a consulta das últimas parcelas do auxílio emergencial, é necessário que o interessado entre na página online da Dataprev e siga os passos a seguir:

  • Depois de entrar no site de consulta da Dataprev, digite os seus dados (CPF, nome completo do beneficiário, nome da mãe e data de nascimento);
  • Em seguida, vá em “não sou um robô”,
  • Aperte em “Enviar”;
  • Por fim, uma nova página será aberta.
  • Caso o seu nome estiver em situação regular, você receberá o repasse.

Também é possível que o governo tenha encontrado alguma irregularidade. Nesse caso, será preciso fazer uma contestação da decisão. A ação pode ser feita na mesma página. Antes de contestar, lembre-se de checar se todos os seus dados estão atualizados.

Auxílio emergencial: movimentação pelo Caixa Tem

O dinheiro do auxílio emergencial é depositado pela Caixa Econômica Federal em contas sociais digitais. Inicialmente, os valores podem ser movimentados por meio do aplicativo Caixa Tem, de forma gratuita.

A plataforma desenvolvida pela Caixa oferece diversos serviços bancários como transferências, cartões de débito virtuais, pagamentos de contas, entre outros. O saque só fica disponível depois que todos os repasses são realizados.

Atualmente, o auxílio emergencial paga R$ 375 para mulheres chefes de famílias monoparentais, R$ 150 para quem mora sozinho ganha R$ 150 e os outros casos ficam com pagamentos de R$ 250.

Leia também

você pode gostar também

14º salário INSS será aprovado em comissão especial ainda em 2022?

Projeto de lei que cria o 14° salário do INSS deve ser avaliado por comissão especial na Câmara dos Deputados. Saiba os detalhes.

Por erro do INSS, segurados podem receber dinheiro extra; entenda

As irregularidades cadastrais podem gerar processos judiciais por danos morais previdenciários, nos casos em que o INSS comete uma falta direta com os segurados.

Auxílio Brasil: como descobrir se estou na fila de espera para receber o valor?

Os brasileiros que atendem aos critérios de elegibilidade do Programa Auxílio Brasil podem consultar a situação cadastral por meio do telefone, mas também através dos aplicativos.

Saque Digital FGTS é liberado para trabalhadores; veja como funciona

O Saque Digital FGTS é uma modalidade de retirada remota que permite maior praticidade, segurança e agilidade aos trabalhadores, sem necessidade de atendimento presencial.

BPC de R$ 1,2 mil terá mais inscritos a partir de nova medida? Entenda

Parceria entre INSS e DPU pode aumentar número de inscritos no BPC de R$ 1,2 mil e ainda reduzir conflitos entre beneficiários e o instituto.

Saque FGTS: 3 lotes somam mais de R$ 4,9 mil, dependendo do caso

Saque triplo do FGTS pode somar mais de R$ 4,9 mil EM 2022. Confira cada uma deles e quem pode acessar os valores.