Sabia que as cores influenciam no ambiente e nas emoções?

As cores podem influenciar no ambiente e nas emoções das pessoas como ninguém. Entenda o motivo e conheça a explicação por trás de alguns tons comuns no dia a dia.

O conceito do significado das cores ainda deixa muitas pessoas céticas quanto ao seu efeito. Contudo, é impossível negar que, em determinados ambientes, algumas sensações podem ser despertadas por conta dos tons, e isso se dá devido à influência delas nas emoções e no comportamento humano. Portanto, de certa forma, as cores influenciam sim no ambiente e nas emoções, mas de formas específicas.

continua depois da publicidade

No geral, a psicologia das cores busca estudar o efeito psicológico e emocional dos tons no humor das pessoas. Em um escritório branco ou cinza, por exemplo, é comum sentir algo parecido com equilíbrio; já em um ambiente verde ou azul, ser tomado por tranquilidade, e em salas de cores mais vibrantes, como amarelo e vermelho, experimentar mais disposição e motivação.

Mas como isso acontece? Como as cores são capazes de trabalhar com as sensações de tal maneira? Além de serem elementos essenciais na decoração dos ambientes, elas são capazes de causar diversas emoções, e ao mesmo tempo harmonizam, ampliam e oferecem um toque especial aos cômodos. Para entender mais sobre o assunto, confira abaixo algumas cores e sua influência emocional.

A influência das cores nos ambientes e nas emoções

Leia também

Vermelho

O vermelho é considerado uma cor poderosa, e seu tom vibrante tem a característica de sempre parecer estar mais perto do que realmente está, chamando atenção facilmente. É por tal motivo que a cor é utilizada em semáforos, por exemplo, indicando o sinal de "paro". Seu efeito é físico, aumentando a pulsação e dando certa impressão de urgência.

continua depois da publicidade

Essa cor está relacionada aos instintos mais básicos do ser humano, sendo muito viva e estimulante, e por vezes, parecendo agressiva.

Verde

O verde está diretamente associado ao equilíbrio e oferece uma sensação de bem-estar, pelo fato da onda de luz desse tom atingir os olhos humanos sem que seja necessário fazer ajustes. Em ambientes que necessitam de maior calmaria, ela é ideal. Por outro lado, também pode indicar estagnação, e quando utilizada incorretamente, é sentida como uma cor branda demais.

continua depois da publicidade

Azul

Da mesma forma, o azul é considerado uma cor terapêutica, provocando a tranquilidade passiva em ambientes. Esse tom altamente calmante é perfeito para salas de relaxamento, mas quando utilizado em excesso, pode deixar um espaço frio.

Junto disso, em ambientes profissionais, por exemplo, a cor azul ajuda a reter a memória do trabalho. O tom não deve ser muito escuro, e utilizado em locais específicos, como em uma ou duas paredes apenas.

Branco

Junto da sensação de limpeza, o branco, glorificado por seu minimalismo, pode provocar a calma extrema, e em excesso, até mesmo a desmotivação. Assim, deixar um escritório todo branco pode não ser a melhor escolha, a depender do que está sendo planejado para um ambiente.

continua depois da publicidade

Mesmo que ele multiplique a luminosidade, estimule a criatividade e dê uma impressão de um espaço maior, o branco pode se tornar, por vezes, monótono. Junto dele, o ideal é incluir alguns móveis mais coloridos, ou pelo menos uma parede com um tom diferente.

Amarelo

O amarelo é uma cor energética. Ele tem o poder de estimular o córtex pré-frontal, ou seja, a parte do cérebro ativada sempre que uma ação prazerosa está envolvida. Junto disso, a cor promove energia, estimulando a criatividade, mas assim como qualquer outra, deve ser utilizada com cautela, visto que seu excesso causa irritação.

Por ser quente e alegre, esse tom traz vida e luminosidade em qualquer ambiente, e é aconselhado em escritórios, onde é necessário uma dose extra de energia e concentração. Nesse caso, porém, é necessário adicionar a cor com moderação, por tornar o ambiente cansativo para os funcionários.

Violeta

O violeta, ou roxo, oferece a possibilidade de elevar os níveis da consciência, e é considerado a cor da espiritualidade. Esse tom estimula a introspecção e meditação, sendo adequado para ambientes onde emoções do tipo são trabalhadas. Quando utilizado em demasia, pode criar um aspecto pouco elegante, principalmente em tonalidades mais fortes.

Leia também

Concursos em sua
cidade