Estas são as cidades mais antigas do mundo

As cidades mais antigas do mundo proporcionam uma experiência única para os viajantes que buscam mergulhar nas raízes da civilização humana.

A história humana está repleta de civilizações antigas que deixaram um legado na forma de cidades que ainda existem hoje. Estes aglomerados urbanos, com séculos e até milênios, são testemunhos vivos da grandeza e evolução dos povos que os habitaram.

continua depois da publicidade

Algumas cidades foram declaradas Patrimônio Mundial pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), mas infelizmente outras correm o risco de desaparecer.

Quais são as cidades mais antigas do mundo?

1. Jericó, Cisjordânia

Leia também

Jericó, situada na Cisjordânia, é a cidade continuamente habitada mais antiga da Terra, datando de 11.000 a 9.300 a.C. Suas fortificações confirmam seu status como a área urbana murada mais antiga conhecida.

Com uma população de cerca de 21.000 habitantes, Jericó é um ponto de encontro espiritual para o cristianismo, judaísmo e islamismo.

continua depois da publicidade

2. Damasco, Síria

Damasco, na Síria, é outra das cidades mais antigas, com assentamentos que remontam a cerca de 10.000 a 8.000 a.C. Sua localização estratégica a tornou um elo entre civilizações ao longo da história.

Sua área metropolitana abriga mais de 2,3 milhões de pessoas. A cidade é um testemunho de impérios que surgiram e caíram ao longo do tempo.

3. Rey, Irã

Localizada na área metropolitana da Grande Teerã, Rey, Irã (também escrito Rayy e Ray), apresenta evidências de assentamentos que datam de cerca de 6.000 a.C., embora provavelmente tenha sido ocupada continuamente por mais tempo.

continua depois da publicidade

A cidade preserva monumentos históricos como Cheshmeh-Ali, uma popular área de lazer com uma fonte de água de nascente, que remonta a cerca de 5.000 a.C., e o Castelo Gebri, com 3.000 anos.

4. Erbil, Curdistão Iraquiano

A cidade de Erbil, também conhecida como Hewlêr, está localizada na região do Curdistão no Iraque e é habitada desde aproximadamente 6.000 a.C. Seu povoado fortificado é Patrimônio Mundial da UNESCO, com uma formação que resultou da ocupação humana ao longo dos séculos.

5. Alepo, Síria

Alepo, na Síria, tem evidências de assentamentos que datam de cerca de 6.000 a.C. Devido à sua localização estratégica entre o Mar Mediterrâneo e a Mesopotâmia, Alepo foi um ponto essencial no final da Rota da Seda. A antiga cidade é Patrimônio Mundial da UNESCO, mas enfrentou danos devido a anos de conflitos.

continua depois da publicidade

6. Faium, Egito

A moderna cidade egípcia de Faiyum, situada às margens do rio Nilo, remonta a assentamentos humanos por milênios, incluindo a antiga cidade de Shedet.

Adorando um crocodilo vivo chamado Petsuchos como a encarnação da divindade Sobek, o local tem uma história que se estende até cerca de 5.000 a.C. Embora tenha enfrentado adversidades ao longo dos séculos, Faium resiste, agora com uma população de 3,8 milhões.

7. Atenas, Grécia

Atenas, antiga pátria da filosofia e berço da civilização ocidental, tem uma história habitacional que remonta a 5.000 a.C., possivelmente até 7.000 a.C. Os monumentos mais famosos, localizados na Acrópole, incluem o Partenon, o Erecteion e o Propileu, construídos durante o século V a.C.

8. Biblos, Líbano

Biblos, no Líbano, possui evidências de assentamentos fenícios desde 7.000 a.C., sendo uma cidade habitada desde aproximadamente 5.000 a.C. Um sarcófago com a inscrição mais antiga do alfabeto fenício foi descoberto em Biblos, que ao longo dos milênios foi incorporada por vários impérios, incluindo egípcio, persa, romano e otomano.

9. Shush (Susã), Irã

Anteriormente conhecida como a antiga cidade de Susa, Shush é a parte restante de uma área continuamente habitada desde cerca de 5.000 a 4.000 a.C. Mencionada no Livro de Ester da Bíblia como "Shushan", a cidade é hoje Patrimônio Mundial da UNESCO.

10. Jerusalém

Jerusalém é uma cidade que surgiu entre 4.500 e 3.400 a.C. na próspera região do Levante. Única em sua posição histórica, Jerusalém abriga três grandes religiões: judaísmo, cristianismo e islamismo.

A Cidade Velha conta com 220 monumentos históricos, refletindo uma longa história de conflito e reivindicações contemporâneas por Israel e a Autoridade Palestina.

11. Plovdiv, Bulgária

Plovdiv, originalmente um assentamento trácio, conhecida como Filipópolis pelos gregos, tem vestígios de habitação desde cerca de 4.000 a.C. Atualmente, é a segunda maior cidade da Bulgária e foi nomeada Capital Europeia da Cultura em 2019.

Compartilhe esse artigo

Leia também

Concursos em sua
cidade