Ministro vai pedir acesso ao Enem para evitar questões "ideológicas"

Milton Ribeiro disse que pedirá acesso à prova do Enem 2021 para garantir questões de múltipla escolha mais “técnicas” e menos “ideológicas”. Saiba mais.

O ministro da Educação, Milton Ribeiro, afirmou que pedirá acesso ao Enem 2021 (Exame Nacional do Ensino Médio) para garantir questões mais técnicas e menos “ideológicas”. Em entrevista para a analista Renata Agostini, da CNN, o gestor da pasta disse que as temáticas mais “subjetivas” devem ser destinadas para a etapa de redação.

“O Enem tem uma questão de sigilo que, para você ter ideia, nem mesmo o ministro da Educação tem acesso. Este ano, talvez, eu ainda tenha que conversar com o meu presidente e o grupo que me assessora, para que eu possa fazer parte e ter conhecimento e, naturalmente, manter a questão do sigilo”, o ministro disse no dia 02 de junho de 2021.

Conforme Milton Ribeiro, o desejo de intervir nas questões do Enem partiu do próprio ministro. “É [uma solicitação] diretamente minha. Creio que estou expressando a vontade da grande maioria da sociedade brasileira. (...) “A redação, a gente pode deixar um pouco mais aberta para a expressão da opinião dos alunos a respeito de determinados temas, mas não as perguntas objetivas”, complementou.

MEC liberou datas Enem 2021; inscrições a partir de 30/06

Após controvérsias sobre as datas do Enem 2021, o Ministério da Educação liberou o edital com o calendário previsto. As inscrições poderão ser feitas entre os dias 30 de junho e 14 de julho. Já as provas serão aplicadas nos dias 21 e 28 de novembro, tanto a versão impressão quanto a digital. Todos os detalhes foram divulgados pelo Diário Oficial da União, no edital de nº 28.

“Conforme eu já havia anunciado dias atrás, o Enem 2021 acontecerá e será aplicado neste ano. As provas serão aplicadas nos dias 21 e 28 de novembro, para as versões impressa e digital. É isso mesmo! A mesma prova, nas mesmas datas, para as duas modalidades”, comunicou o ministro da Educação, Milton Ribeiro, em seu perfil no Twitter.

Confira as principais datas relacionadas ao Enem 2021:

  • Justificativa de ausência no Enem 2020 e solicitação de isenção da taxa de inscrição para o Enem 2021: de 17 a 28 de maio de 2021 (período já encerrado);
  • Resultado da justificativa de ausência e solicitação de isenção da taxa de inscrição para o Enem 2021: a partir do dia 09 de junho de 2021 (encerrado);
  • Recurso da justificativa de ausência e solicitação de isenção da taxa de inscrição para o Enem 2021: de 14 a 18 de junho de 2021;
  • Resultado do recurso da justificativa de ausência e solicitação de isenção da taxa de inscrição para o Enem 2021: dia 25 de junho de 2021;
  • Prazo para inscrições: do dia 30 de junho a 14 de julho de 2021, pela página do participante no site do Inep;
  • Pagamento da taxa de inscrição no Enem 2021: até 19 de julho de 2021;
  • Pedido para atendimento especializado no Enem 2021: entre 30 de junho e 14 de julho de 2021;
  • Pedido de tratamento pelo nome social: entre 19 e 23 de julho de 2021;
  • Aplicação das provas do Enem 2021 (impressa e digital): dias 21 e 28 de novembro de 2021.

Compartilhe

Especial Concurso BB

Veja mais »