Atenção: chuvas intensas podem afetar mais de 1,6 mil cidades, avisa INMET

As chuvas intensas de começo do ano podem afetar mais de 1,6 mil cidades do país, de acordo com alerta publicado no Inmet. Os moradores destas regiões devem tomar as devidas precauções.

Os cidadãos de mais de 1,6 mil cidades devem ficar atentos quanto à previsão de chuva para estas regiões em específico, que continua sem dar trégua há alguns dias. Hoje (04), o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) publicou um alerta de chuvas intensas, com grau de severidade “perigo” iniciado às 10h17. Ele segue vigente até as 10h desta quinta (05/12).

De acordo com os dados do Inmet, a chuva deve alcançar índices entre 30 e 60 mm/h, ou 50 e 100 mm/dia, com ventos intensos entre 60 e 100 km/h. Existem ainda riscos de corte de energia elétrica, alagamentos, queda de galhos de árvores e descargas elétricas.

Atenção: chuvas intensas em mais de 1,6 mil cidades

O site do Centro Virtual para Avisos de Eventos Meteorológicos Severos para o Sul da América do Sul (Alert-AS) possui uma lista completa de municípios que devem ser afetados pelas chuvas intensas. Por sua vez, as áreas com maior incidência são as seguintes:

  • Centro Goiano;
  • Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba;
  • Leste Goiano;
  • Central Mineira;
  • Ocidental do Tocantins;
  • Centro-Sul Mato-grossense;
  • Sul Goiano;
  • Presidente Prudente;
  • São José do Rio Preto;
  • Nordeste Mato-grossense;
  • Leste de Mato Grosso do Sul;
  • Campinas;
  • Oeste de Minas;
  • Bauru;
  • Piracicaba;
  • Sul/Sudoeste de Minas;
  • Itapetininga;
  • Centro Norte de Mato Grosso do Sul;
  • Campo das Vertentes;
  • Norte Mato-grossense;
  • Leste Rondoniense;
  • Sudoeste Paraense;
  • Ribeirão Preto;
  • Araçatuba;
  • Sudeste Mato-grossense;
  • Norte Goiano;
  • Zona da Mata;
  • Macro Metropolitana Paulista;
  • Marília;
  • Metropolitana de Belo Horizonte;
  • Norte Central Paranaense;
  • Araraquara;
  • Pantanais Sul Mato-grossense;
  • Norte Pioneiro Paranaense;
  • Sul Fluminense;
  • Vale do Paraíba Paulista;
  • Sul Amazonense;
  • Noroeste Goiano;
  • Sudoeste Mato-grossense;
  • Centro Fluminense;
  • Metropolitana de São Paulo;
  • Assis, Sudeste Paraense;
  • Metropolitana do Rio de Janeiro;
  • Sudoeste de Mato Grosso do Sul;
  • Noroeste de Minas;
  • Distrito Federal;
  • Norte de Minas;
  • Madeira-Guaporé;
  • Litoral Sul Paulista;
  • Jequitinhonha;
  • Oriental do Tocantins;
  • Noroeste Paranaense.

Precauções em caso de chuvas intensas

Com base no que foi informado pelo instituto, os moradores dos locais que sofrerão a ação das chuvas devem tomar certas precauções para evitar situações de risco e possíveis acidentes.

Em caso de rajadas de vento, por exemplo, é essencial evitar se abrigar debaixo de árvores, por conta do alto risco de queda e descargas elétricas. Igualmente, o ideal é não estacionar veículos próximos a torres de transmissão ou placas de propaganda, pelo mesmo motivo.

Quando possível, é recomendado ainda desligar os aparelhos elétricos e quadro geral de energia. Com as chuvas, a energia pode oscilar em vários locais, ocasionando problemas nos aparelhos, curto-circuito e até mesmo queima.

Para mais informações e emergências, basta ligar para a central de atendimento da Defesa Civil, no telefone 199, ou para o Corpo de Bombeiros, no telefone 193.

Previsão para janeiro de 2023 no país

O Inmet também já divulgou a previsão do tempo para o primeiro mês do ano. A probabilidade para janeiro é de chuvas abaixo da média em regiões como Sudeste, Centro-Oeste, áreas do oeste de estados como a Bahia, Rondônia, Acre, norte do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, sul do Piauí e sudoeste de Pernambuco.

Nestes primeiros dias, o Rio Grande do Sul deve ter volumes de chuva abaixo de 200mm. Por outro lado, na faixa norte, que vai do Amazonas até a Paraíba, pode haver um acúmulo de chuva acima da média, superior a 50mm. Nas demais áreas, a previsão é para pouco acima da média, com índices superiores a 10mm.

Leia também

você pode gostar também

Moeda de 1 real rara vale MUITO dinheiro; veja se você tem

O mercado de colecionadores de cédulas e moedas é surpreendente; conheça mais detalhes, a seguir, a respeito da numismática.

Concurso AGU: inscrições terminam em breve; veja como participar

Concurso AGU 2023 (Advocacia-Geral da União) oferece 300 vagas destinadas a profissionais de nível superior. Veja como realizar sua inscrição.

Tesouro Direto cria complemento para a aposentadoria; conheça o RendA+

Em janeiro, um novo título público do Tesouro Direto entrou em negociação no país. O RendA+ pretende complementar a aposentadoria dos segurados vinculados ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Aumento do salário mínimo 2023 vai depender de novos cortes, diz ministra

O novo valor do salário mínimo nacional pode chegar a R$ 1.320,00, mas, para isso, será preciso fazer cortes no orçamento do governo, segundo Simone Tebet.

Alerta INMET: Tempestades e chuvas intensas em mais de 1,1 mil cidades

As tempestades e chuvas intensas continuam sem dar trégua, dessa vez atingindo mais de 1,1 mil cidades. Confira mais informações do alerta INMET do dia.

ChatGPT: inteligência artificial é capaz de escrever textos inteiros sozinha

Esta nova ferramenta que é capaz de gerar diversos tipos de textos, se tornou viral e já atingiu mais de um milhão de usuários, segundo seus criadores.