Como funciona o método Cebraspe de avaliação em concursos?

Conheça a banca examinadora, o método Cebraspe, e como geralmente as provas são elaboradas.

O Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos é uma das bancas examinadoras mais conhecidas e temidas no meio dos concursos públicos. O grande receio dos candidatos é que as provas objetivas são comumente planejadas no método Cebraspe “certo” ou errado”, em que uma questão incorreta anula o ponto alcançado pela correta.

Dessa forma, os candidatos ficam inseguros quando descobrem que o concurso dos sonhos será organizado pelo método Cebraspe/Cespe.

Como funciona o método Cebraspe?

Um dos grandes diferenciais sobre o método Cebraspe, em comparação aos demais, é a forma de avaliação das questões. A banca oferece um enunciado e o candidato só tem duas opções de escolha: “C” para certos e “E” para os errados.

Além disso, o candidato tem que pensar muito antes de responder uma questão. É que um item errado vai anular uma questão que ele acertou. Caso deixe em branco, ele apenas não vai somar pontos.

O método é aplicado com recorrência em provas de juízes, promotores, IBGE e diversos outros órgãos de administração.

Contudo, nem sempre as provas objetivas do Cebraspe seguem essa “norma” ou “técnica” de avaliação. O concurso do TJ RJ 2020, por exemplo, teve o formato da prova mais ‘convencional’, com cinco alternativas para escolha.

Além disso, o método Cebraspe costuma aprofundar em suas questões, exigindo conhecimento teórico. Isso acaba fazendo com que os candidatos não mantenham uma estratégia “decoreba”. É preciso se aprofundar e entender o conteúdo.

Por isso, costumam cair muitas pegadinhas e a atenção deve ser redobrada no momento de realização do seu concurso público.

A banca trabalha também com a contextualização e com a interdisciplinaridade. Dessa maneira, os itens de julgamento são elaborados a partir de casos concretos e pela conjunto de assuntos.

Como se preparar para um concurso que use esse método?

A base dos seus estudos, como para qualquer banca que seja responsável pelo concurso, passa pela leitura do edital e conhecimento da empresa organizadora do certame.

Com o Cebraspe, a dica é a mesma. Leia atentamente o edital, recorra às provas anteriores e conheça qual a estrutura comum das suas provas objetivas. Por isso, não deixe de responder questões objetivas que caíram em concursos parecidos.

No site Concursos no Brasil, você tem acesso a simulados grátis, confira aqui.

Leia também

você pode gostar também