Concurso INSS: o que levar em conta na hora de estudar leis? Veja 5 dicas

Vai prestar o concurso INSS e precisa ser aprovado? Conheça cinco dicas incríveis sobre como estudar leis.

Após uma grande expectativa de milhares de concurseiros, o edital do concurso INSS foi publicado. Ao todo, são 1.000 vagas para o cargo de Técnico de Seguro Social. A exigência é apenas o nível médio de ensino. O salário é de até R$ 5,9 mil e as provas serão no dia 27 de novembro.

As inscrições têm o valor de R$ 85 e podem ser realizadas entre os dias 16 de setembro e 03 de outubro, até as 18h (horário oficial de Brasília). Conheça um pouco mais a respeito desse certame e cinco dicas incríveis sobre o que levar em conta na hora de estudar leis.

Quais são os principais requisitos para o concurso INSS 2022?

Além da exigência do Ensino Médio completo, é necessário que os candidatos que vão prestar o concurso INSS atendam outros requisitos. São eles:

  • Ser brasileiro ou ter nacionalidade portuguesa;
  • Estar em dia com as obrigações militares (homens);
  • Idade mínima de 18 anos;
  • Estar apto física e mentalmente;
  • Estar quites com as obrigações eleitorais;
  • Estar em gozo dos direitos políticos.

Por isso, fique atento para todas as exigências acima, para não correr o risco de ser desclassificado. Caso você tenha algum tipo de pendência em seu nome, regularize-a o mais depressa possível.

Quais serão as etapas do concurso INSS?

O concurso INSS será dividido em duas etapas distintas. Na primeira parte, os candidatos farão duas provas objetivas, que têm o objetivo de avaliar conhecimentos básicos e específicos.

Vale lembrar que ambas as etapas são de caráter eliminatório e classificatório. As provas objetivas do concurso INSS terão 120 perguntas referentes aos seguintes assuntos:

  • Língua Portuguesa;
  • Raciocínio Lógico;
  • Noções Básicas de Informática;
  • Noções de Direito Constitucional;
  • Noções de Direito Administrativo;
  • Sistema de Seguridade Social;
  • Código de Ética do Servidor Público;
  • Regime Jurídico Único.

Já a segunda etapa do concurso INSS é um curso de formação presencial, que todos os candidatos aprovados nas provas objetivas deverão fazer. A avaliação (eliminatória) do curso de formação vai acontecer por meio de uma prova objetiva composta de 120 questões.

Além disso, os candidatos também serão submetidos a uma prova discursiva com duas questões que precisam ser respondidas em 15 linhas, no máximo.

Como estudar leis para o concurso INSS 2022?

Conheça o conteúdo programático das disciplinas de legislação que estão sendo cobradas pelo edital do concurso INSS:

Ética no Serviço Público:

  • Código de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal: Decreto nº 1.171/1994;
  • Decreto nº 6.029/2007 e suas alterações.

Noções de Direito Constitucional:

  • Direitos e garantias fundamentais: direitos e deveres individuais e coletivos; direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade; direitos sociais; nacionalidade; cidadania; garantias constitucionais individuais; garantias dos direitos coletivos, sociais e políticos;
  • Administração pública (artigos de 37 a 41, capítulo VII, Constituição Federal de 1988).

Noções de Direito Administrativo:

  • Estado, governo e administração pública: conceitos, elementos, poderes e organização; natureza, fins e princípios;
  • Direito administrativo: conceito, fontes e princípios;
  • Organização administrativa da União; administração direta e indireta;
  • Agentes públicos: espécies e classificação; poderes, deveres e prerrogativas; cargo, emprego e função públicos; Regime Jurídico Único (Lei nº 8.112/1990 e suas alterações): provimento, vacância, remoção, redistribuição e substituição; direitos e vantagens; regime disciplinar; responsabilidade civil, criminal e administrativa;
  • Poderes administrativos: poder hierárquico; poder disciplinar; poder regulamentar; poder de polícia; uso e abuso do poder;
  • Ato administrativo: validade, eficácia; atributos; extinção, desfazimento e sanatória; classificação, espécies e exteriorização; vinculação e discricionariedade;
  • Serviços Públicos: conceito, classificação, regulamentação e controle; forma, meios e requisitos; delegação: concessão, permissão, autorização;
  • Controle e responsabilização da administração: controle administrativo; controle judicial; controle legislativo; responsabilidade civil do Estado. Lei nº 8.429/1992 e suas alterações;
  • Lei nº 9.784/1999 (Lei do Processo Administrativo);
  • Demais conhecimentos específicos exigidos pelo edital.

Dicas úteis sobre como estudar leis para concursos

concurso inss, estudar para concurso inss, se preparar para concurso inss
Foto: montagem / Pexels – Canva PRO

Você deve ter percebido que é bastante conteúdo sobre leis que precisa ser assimilado. Por isso, conheça cinco dicas sobre o que levar em conta na hora de estudar esse assunto:

1) Organização é essencial

Para qualquer concurseiro aprender leis, ele precisa ter muita organização na hora de estudar. Faça um cronograma de estudos realista e distribua todas as disciplinas ao longo da semana nele. Dessa forma, nenhum assunto deixa de ser estudado.

2) Adote uma metodologia

Aquele candidato que usa um método de estudo diferente a cada dia, na hora de aprender leis para concurso, pode não conseguir assimilar o conteúdo de maneira satisfatória. Escolha uma metodologia de estudos que mais combine com o seu estilo e mantenha o foco nela.

3) Mantenha-se atualizado

Você sabia que a legislação pode mudar de uma hora para outra? É verdade. Por isso, concurseiro, mantenha-se sempre atualizado na hora de estudar as leis para o concurso INSS. Aprender algo que não tem mais validade é perda de tempo e energia.

4) Refaça as questões de concursos anteriores

Uma excelente maneira de assimilar conteúdo de cunho legislativo é refazendo questões de certames anteriores que tenham a ver com a sua área de atuação. Dessa forma, reserve um tempinho em sua agenda e não deixe de fazer isso, fechado?

5) Invista em anotações

Aquele candidato que não abre mão de anotar aquilo que acha importante, na hora de estudar leis para o concurso INSS, costuma ter mais chances de aprovação. Por quê? Simples. Quando anotamos, o cérebro consegue reter melhor as informações e isso turbina a sua memorização.

Leia também


você pode gostar também

Pagam bem: 5 profissões para quem não quer trabalhar com atendimento

Se você é uma pessoa introvertida e não gosta de lidar com público, conheça cinco profissões para quem não quer trabalhar com atendimento.

5 filmes da Netflix para se inspirar e ter motivação nos estudos

Se você anda meio sem inspiração para continuar estudando para as provas do concurso, conheça cinco filmes da Netflix que podem te motivar.

Conheça 7 tipos de aprendizagem e suas vantagens durante os estudos

Está começando a estudar para um concurso público? Conheça os sete tipos de aprendizagem e as vantagens de cada um deles.

Validade de concursos: como esse prazo afeta os concurseiros?

Entenda como funciona a validade de concursos públicos e saiba como esse prazo afeta a vida de todo concurseiro aprovado.

Estas 5 profissões antigas voltaram à moda no país e ganharam relevância

Conheça cinco profissões antigas que voltaram a ganhar espaço e relevância no mercado de trabalho brasileiro.

Concurso INSS: veja 5 dicas infalíveis para aplicar durante os estudos

As dicas infalíveis para aplicar durante os estudos do concurso INSS permitem que o concurseiro tenha mais organização nas etapas de aprendizagem e revisão do conteúdo.