Conheça 3 técnicas inteligentes de estudo para obter mais resultado

Fique por dentro de três infalíveis técnicas inteligentes de estudo que podem deixar a sua aprovação no concurso público mais perto.

A data das provas do certame está chegando e você procura uma forma de turbinar o seu aprendizado para garantir a sua aprovação? Veio ao lugar certo, concurseiro. Vamos te apresentar três técnicas inteligentes de estudo que são infalíveis, se forem colocadas em prática da forma correta. Continue a leitura e conheça quais são elas.

Leia também

3 das melhores técnicas de estudo para aprender mais rápido

1) Técnica Pomodoro

Desenvolvida no final da década de 1980 pelo italiano Francesco Cirillo, a premissa da técnica Pomodoro consiste em dividir o seu fluxo diário de atividades em blocos de total concentração. Dessa forma, é possível manter o foco e melhorar a agilidade da nossa mente.

Em suma, a essa metodologia consegue aprimorar a gestão do tempo do concurseiro e o deixa mais eficiente na hora de estudar. Primeiramente, é preciso fazer uma lista das atividades que serão realizadas durante o dia. Depois, é hora de dividir o tempo disponível em blocos de 25 minutos, que serão usados para estudar ininterruptamente.

Depois faça uma pequena pausa de cinco minutos, seja para respirar um pouco de ar fresco, se espreguiçar ou tomar uma xícara de café. Após o pequeno break, repita o ciclo novamente (25 minutos de estudo intenso seguidos de cinco minutinhos de intervalo).

A cada quatro ciclos completos, que vai totalizar duas horas, faça um intervalo um pouco maior (de 15 a 30 minutos) para relaxar e oxigenar a mente, já que isso faz com que as informações aprendidas fiquem retidas nelas. Essa é uma das técnicas inteligentes de estudo mais eficientes.

2) Mapa mental

O mapa mental é uma ferramenta que permite o concurseiro turbinar a sua memorização por meio de representações visuais de conceitos e ideias, de maneira simples. Essa metodologia organiza as informações em sua mente e deixe o aprendizado mais dinâmico.

Na verdade, os mapas mentais estruturam as informações, aprimoram o funcionamento da memória, estimulam a criatividade e, de quebra, fazem o concurseiro aprender com mais facilidade. Para fazer um mapa mental, você deve seguir o passo a passo abaixo:

  1. Defina o tema do assunto principal que está sendo estudado. Vale ressaltar que o título do mapa mental deve ser escrito em letras grandes no centro da folha de papel;
  2. Faça uma lista de subtópicos relacionados ao tema principal;
  3. Descreva os tópicos que tenham relação com cada subtópico;
  4. Faça um simples desenho em cima de cada palavra-chave que você considera a principal;
  5. Agora, estabeleça uma sequência para ordenar os agrupamentos.

O mapa mental, além de ser uma das técnicas inteligentes de estudo, permite ao concurseiro criar conexões cerebrais que o possibilitam lembrar de um assunto através de um simples desenho que está relacionado a ele.

Por exemplo, suponha que você precise se lembrar de uma determinada fórmula química. É possível relacioná-la com a imagem de uma xícara de chá fumegante em um dia frio. Isso é o mapa mental.

3) Estudo mnemônico

A técnica Mnemônica também é uma metodologia interessante de memorização, desde que o seu conceito seja bem aplicado pelo concurseiro. Esse gatilho mental permite que sejam criados símbolos, imagens, palavras, frases ou esquemas que tenham relação com o conteúdo estudado.

Por exemplo, o acrônimo e as siglas consistem em abreviar nomes de grandes e importantes organizações ou instituições governamentais. O objetivo é reduzir o nome somente às suas iniciais. Exemplo: Caixa Econômica Federal (CEF) ou Medida Provisória (MP). Dessa forma, fica mais fácil se lembrar.

Os acrósticos, por sua vez, são frases ou expressões formadas por palavras em que a primeira letra é a principal dica daquilo que precisa ser memorizado, ou seja, o concurseiro deve pegar a palavra formada que precisa se lembrar e colocá-la na posição vertical. Exemplo:

Felicidade
Esperança
Luz
Inspiração
Zelo

A palavra FELIZ remente às iniciais de cinco outras palavras que você vai precisar se lembrar na hora das provas do concurso. Entendeu agora porque essa é uma das técnicas inteligentes de estudo mais eficazes?

Canções e palavras-chave também fazer parte do estudo mnemônico. A primeira faz menção às paródias e é considerada uma excelente técnica de memorização de conteúdo. Basta você pegar um pequeno trecho importante de algum assunto (que precisa ser memorizado) e ler cantarolando por diversas vezes.

As palavras-chave têm o objetivo de criar imagens e significados na mente do concurseiro. Mas é preciso que ele use a sua criatividade para ter êxito. Essa metodologia costuma funcionar bem na hora de memorizar palavras ou expressões em outro idioma.

Exemplo: A palavra em inglês “Perhaps” que significa “Talvez” em tradução para a Língua Portuguesa, pode ser imaginada como uma fruta “pera cantando rap”, entendeu? A sua criatividade é quem manda.

Leia também


você pode gostar também

Concurso INSS terá curso de formação em nova etapa

A nova etapa do concurso INSS é caracterizada por um curso de formação, com treinamento específico dos candidatos e avaliação do desempenho ao longo do processo.

35 nomes estranhos que já foram registrados no Brasil

Se você curte tudo aquilo que é fora do comum, conheça alguns nomes estranhos que já foram registrados no Brasil.

5 empregos bizarros que ninguém conhecia, mas pagam muito bem

Se você está pensando em uma transição de carreira, conheça cinco empregos bizarros que pagam muito bem e que têm uma alta demanda no mercado.

Você é super inteligente? Veja 4 características que definem a condição

A super inteligência é multidimensional, e pode ser despertada em diversas áreas do conhecimento humano.

Estas 19 cidades já mudaram de nome no Brasil e você não sabia

Várias cidades brasileiras mudaram de nome ao longo dos séculos e décadas, sendo a alteração mais recente datada de 2021.

7 profissões mais bem pagas para quem é organizado e ama rotinas

Se você faz questão de ter uma rotina diária e deixa a organização fazer parte da sua vida, conheça sete profissões para quem é organizado.