Confira 5 técnicas certeiras para aprender a falar em público

Se você está procurando formas de vencer a timidez e a insegurança, conheça cinco técnicas para aprender a falar em público que vão liquidá-las de uma vez por todas.

Mesmo que em sua agenda profissional não estejam incluídas apresentações para um grande número de pessoas ou palestras frequentes, saber se comunicar bem em público é uma habilidade exigida em algum momento da vida. Por isso, essa matéria selecionou cinco técnicas para aprender a falar em público.

Seja na apresentação de um novo projeto para os seus colegas de trabalho ou mesmo em um brinde nas festas de família, saber falar em público é fundamental. Por isso, fique conosco até o final da leitura e supere todo o nervosismo desse momento.

Técnicas para aprender a falar em público

1) Conheça a si mesmo

Essa é uma das técnicas para aprender a falar em público consideradas mais importantes. Você é a pessoa que estará em destaque durante o discurso, por isso, conhecer bem as suas emoções pode ajudar bastante em todo esse processo.

Exercitar o autoconhecimento pode viabilizar algumas adaptações durante a sua explicação para a plateia, o que reduz as chances de erros ou eventuais esquecimentos dos tópicos do seu roteiro de apresentação. Quando você se conhece bem, tem mais chances de dominar as sensações que podem te fazer “ratear” em público.

Por exemplo, se você, quando fica nervoso durante uma explanação para outras pessoas, não consegue ficar com as mãos quietas, que tal segurar uma caneta durante a sua palestra? Se você não consegue falar e passar os slides ao mesmo tempo, pode solicitar o auxílio de uma outra pessoa para realizar essa tarefa.

2) Técnicas para aprender a falar em público: Ensaie

Ser o centro das atenções, mesmo que seja por pouco tempo, não é nada fácil para a maioria das pessoas. Por isso, é necessário um treinamento para que as qualidades fiquem ainda mais em evidência e os pontos fracos sejam ajustados.

Você foi o escolhido da empresa para fazer uma palestra sobre algum assunto para os outros colaboradores? A dica aqui é ensaiar antes. Dessa forma, é possível ter uma noção do seu domínio do tema, de como está a sua comunicação e fisionomia.

Treine antes da sua apresentação. Chame dois ou três amigos e faça de conta que está falando para uma sala cheia de pessoas. Não encontrou ninguém? Relaxa. Grave um vídeo ou dê uma palestra para si mesmo em frente ao espelho. O mais importante é você ter intimidade com a missão de falar em público.

3) Conheça bem o assunto

Mais uma das técnicas para aprender a falar em público. Embora você não consiga prever tudo o que pode acontecer em um evento, dominar bem o conteúdo pode te deixar mais seguro sobre aquilo que vai transmitir para as outras pessoas.

Além disso, quando o palestrante está bem inteirado sobre aquilo que vai discutir, ele consegue passar mais credibilidade para a plateia. Por isso, não deixe de se munir do máximo de informações sobre o tema que irá abordar em seu discurso, fechado?

Você pode testar o seu domínio sobre o tema enquanto realiza alguma atividade que exija muita atenção da sua parte, como uma caminhada, por exemplo. Não negligencie essa dica.

4) Utilize ferramentas de suporte

Essa também é uma das técnicas para aprender a falar em público que costuma funcionar bem. Um palestrante que leva “colas” e papéis de rascunho para o seu discurso pode passar a impressão de que não está preparado o suficiente.

Por mais que essa tática seja tentadora, uma boa dica é utilizar slides e outras ferramentas tecnológicas que possam te lembrar dos temas que precisa abordar. Eles podem ser úteis, caso você se perca em seu roteiro ou esqueça de algum assunto.

Mas tenha o cuidado para não colocar muitas informações nos slides, caso opte por usá-lo, e ficar apenas lendo o conteúdo. Certifique-se de que a mensagem transmitida aos expectadores está correta, combinado?

5) Exercite a capacidade do improviso

A nossa última dica sobre técnicas para aprender a falar em público é uma das mais desafiadoras. Um palestrante que está devidamente preparado os imprevistos, consegue ser mais flexível e se sair bem diante de situações inesperadas.

Por exemplo, em uma palestra, pode acontecer do microfone parar de funcionar de uma hora para outra, de dar aquele branco na hora da explicação ou o slide travar no meio do discurso, certo? Por isso, é sempre indicado que você saiba improvisar nesses momentos.

Quando temos essa habilidade, as chances de titubearmos durante a explicação ou de deixar o nervosismo tomar conta da nossa mente, são mínimas. Uma pessoa que consegue improvisar durante uma explicação, sem deixar os outros perceberem o ocorrido, consegue manter a calma e prosseguir com a sua linha de raciocínio normalmente.

Leia também

você pode gostar também

Por que os palitos de pirulito têm um pequeno furinho na ponta?

Sempre fez questão de aprimorar os seus conhecimentos e tem a curiosidade aguçada, concurseiro? Então, descubra para que serve o furinho na ponta dos palitos de pirulito.

Entenda de onde surgiu o “sentido horário” dos relógios

Você já se perguntou por que o relógio gira em sentido horário? Este é um padrão que vem de relógios de sol antigos. Leia e entenda a seguir.

Afinal, qual é a verdadeira diferença entre poema e poesia? Entenda aqui

Apesar de parecerem idênticos, o poema e a poesia possuem algumas diferenças vitais, e que são de conhecimento essencial no mundo literário.

Grampeador tem função “secreta” que muitas pessoas ainda não conhecem

Embora todos nós usemos um grampeador de vez em quando, você provavelmente não conhece este tipo de uso secreto para ele.

15 nomes antigos que voltaram a ser populares no Brasil

Alguns dos nomes retrôs são muito populares hoje em dia no Brasil, sejam femininos ou masculinos. Confira alguns deles abaixo.

Como começar a empreender? Veja 7 dicas para ter um negócio de sucesso

Está querendo começar a empreender em 2023 e pretende alcançar o êxito profissional? Fique por dentro de sete dicas para ter um negócio de sucesso.