Concurso TJ - RJ 2020: PROVAS ADIADAS!

Além de cadastro reserva, estão sendo oferecidas 85 vagas em nível médio e mais 75 para nível superior. Confira detalhes sobre o concurso TJ - RJ!

concurso-tribunal-de-justica-rj

Os editais do TJ oferecem remunerações de até R$ 6.373,89. - Foto: Pixabay

Depois de diversas especulações sobre número de vagas e as etapas classificatórias, finalmente temos os editais do concurso TJ - RJ 2020 em mãos! O Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro liberou os documentos regulamentadores para os cargos de Analista Judiciário (várias especialidades em nível superior) e Técnico de Atividade Judiciária (sem especialidade em nível médio).

Estão sendo oferecidas 160 vagas imediatas em jornadas de 40 horas semanais, com remuneração inicial de até R$ 6.373,89, podendo posteriormente chegar a 9.560,88!

As fases do concurso seguem como o previsto: provas objetivas para ambos os cargos, além de etapa discursiva e de títulos para Analista Judiciário (várias especialidades).

No entanto, a novidade reside na maneira como as provas serão aplicadas. A Cebraspe, organizadora do concurso TJ - RJ, informou pelos editais que as provas objetivas devem ser avaliadas pelo modelo de múltipla escolha (cinco alternativas, apenas uma correta) e não por “certo” ou errado” (duas alternativas, apenas uma correta).

Além disso, as reservas de vagas serão distribuídas da seguinte maneira:

  • 5% para os candidatos com deficiência (PCD);
  • 20% para os candidatos negros, pardos e indígenas;
  • 10% para os candidatos hipossuficientes.

Ficou curioso e quer ficar por dentro de todos os detalhes? Acompanhe a matéria completa logo abaixo. Não se esqueça de conferir outros conteúdos de nosso site, como simulados, artigos e concursos previstos. Temos certeza de que existem materiais feitos especialmente para você!

Mais detalhes sobre os cargos em disputa

Edital de abertura nº 1 - TJRJ: Técnico de Atividade Judiciária

  • 85 vagas imediatas;
  • As oportunidades estão distribuídas pelas comarcas do Rio de Janeiro: Niterói (nove); Petrópolis (sete); Duque de Caxias (oito); Volta Redonda (seis); Campos dos Goytacazes (sete); Vassouras (uma); Itaguaí (cinco); Nova Friburgo (quatro); Itaperuna (uma) e Cabo Frio (quatro).
  • Nível médio ou técnico equivalente;
  • Remuneração inicial de R$ 3.870,06;
  • Jornadas de 40 horas semanais.

Edital de abertura nº 1 - TJRJ: Analista Judiciário

  • 75 vagas imediatas, além de cadastro reserva;
  • Nível superior inerente à especialidade em disputa;
  • Remuneração inicial de R$ 6.373,89;
  • Jornadas de 40 horas semanais;
  • Especialidades em disputa: Assistente Social, Médico, Médico Psiquiatra, Psicólogo, Contador, Comissário de Justiça da Infância, da Juventude e do Idoso, Execução de Mandados, Analista de gestão de TIC, Analista de Infraestrutura do TIC, Analista de Negócios, Analista de Projetos, Analista de Segurança da Informação e Analista de Sistemas.

Além disso, também existe a possibilidade de se inscrever para o cargo de “Analista Judiciário - Sem Especialidade”. Basta ter curso superior em Administração, Direito ou Economia.

Como se inscrever no concurso TJ - RJ 2020?

As inscrições para cada categoria de cargo deverão ser realizadas pelo site do Cebraspe (Inscrição para Técnico -- Inscrição para Analista), que está sendo responsável por todas as etapas do concurso TJ - RJ.

Basta acessar o endereço eletrônico dentro do período previsto (entre os dias 9 e 30 de março de 2020) e seguir as instruções indicadas. As taxas de inscrição foram calculadas com base nos níveis de escolaridade exigidos:

NívelTaxa de inscrição em R$
Médio80,00
Superior100,00

Haverá isenção de pagamento para os candidatos hipossuficientes e que tenham baixa renda familiar. Todos os procedimentos podem ser acessados diretamente nos editais de abertura.

Importante

Conforme comunicado emitido pelo Cebraspe em 10 de março de 2020, uma falha no sistema impossibilitou que os candidatos ao cargo de Técnico de Atividade Judiciária optassem corretamente pela cidade de realização das provas. Por isso, os concurseiros precisam acessar este link, entre os dias 12 e 30 de março, para fazer a correção. Se o candidato não informar essa alteração, este deverá realizar a prova na mesma região/comarca de vaga para a qual se inscreveu no concurso.

Etapas do concurso

O concurso TJ - RJ 2020 será composto pelas seguintes etapas, com base no cargo escolhido pelo candidato:

  • Provas com questões de múltipla escolha para todos os candidatos, tanto em nível médio quanto em nível superior;
  • Prova discursiva para os cargos de Analista Judiciário (diversas especialidades), a ser aplicada no mesmo dia das provas objetivas;
  • Provas de títulos para os cargos de Analista Judiciário (diversas especialidades), desde que aprovados nas etapas anteriores.

Todas as etapas serão realizadas nas seguintes cidades: Cabo Frio, Campos dos Goytacazes, Duque de Caxias, Itaguaí, Itaperuna, Niterói, Nova Friburgo, Petrópolis, Rio de Janeiro, Vassouras e Volta Redonda.

Provas objetivas adiadas por causa do coronavírus

A primeira etapa do concurso TJ - RJ 2020 seria aplicada provavelmente no dia 21 de junho de 2020, com valor máximo de 60,00 pontos. 

Entretanto, por causa da pandemia de coronavírus (Covid-19), ela foi adiada conforme comunicado oficial (Técnico de Atividade Judiciária e Analista Judiciário)! A nova data para aplicação das provas ainda não foi divulgada.

O candidato precisa ficar atento ao site da banca organizadora para acompanhar o novo cronograma. Mais informações podem ser acessadas no site da organização (Técnico de Atividade Judiciária e Analista Judiciário).

A avaliação terá duração de:

  • Quatro horas para o cargo de Técnico de Atividade Judiciária, sendo realizada no turno da tarde;
  • Cinco horas para os cargos de Analista Judiciário, incluindo o tempo para realizar a etapa discursiva (turno da manhã).

Todos os candidatos estarão submetidos às 60 questões de múltipla escolha, sendo 20 de conhecimentos gerais e 40 de conhecimentos específicos.

Será reprovado nas provas objetivas o candidato que se enquadrar em pelo menos um dos itens a seguir:

  • Obtiver nota inferior a 10,00 pontos na prova objetiva de conhecimentos gerais;
  • Obtiver nota inferior a 20,00 pontos na prova objetiva de conhecimentos específicos.

As 40 questões de conhecimentos gerais devem ser distribuídas para as seguintes disciplinas/áreas de conhecimento:

  • Língua Portuguesa;
  • Legislação Especial;
  • Noções de Direito das Pessoas com Deficiência;
  • Ética no Serviço Público.

Prova discursiva para os cargos de Analista Judiciário

Com valor máximo de 40,00 pontos, a prova discursiva consistirá:

  • Para a especialidade em Médico e Médico Psiquiatra: estudo de caso de até 30 linhas a respeito de temas relacionados aos conhecimentos específicos;
  • Para as demais especialidades: redação texto dissertativo de até 30 linhas a respeito de temas relacionados aos conhecimentos específicos.

Os avaliadores devem analisar o conteúdo (conhecimento do tema), a capacidade de expressão na modalidade escrita e o uso das normas do registro formal da Língua Portuguesa. Será aprovado na prova discursiva aquele que alcançar pelo menos 20,00 pontos.

Prova de títulos para os cargos de Analista Judiciário

Serão convocados para a análise de títulos somente aqueles inscritos nos cargos de Analista Judiciário e classificados na prova discursiva.

Com valor máximo de 10,00 pontos, os diplomas deverão ser encaminhados via upload para o site da organizadora no formato “.png”, “.jpeg” e/ou “.jpg”. Confira os critérios que devem ser adotados pelos avaliadores no momento de conferir nota aos documentos digitalizados:

TítuloValor unitárioValor máximo
Especialização com mínimo de 360 horas0,601,20
Mestrado1,301,30
Doutorado2,52,5
Aprovação em concurso público na Administração Pública ou na iniciativa privada (área que concorre)0,250,50
Exercício de atividade autônoma e(ou) profissional de nível superior na Administração Pública ou na iniciativa privada (área que concorre)0,50 por ano4,80
TOTAL:10,00

Validade e mais informações

O concurso TJ - RJ 2020 terá dois anos de validade, contando a partir da homologação dos resultados. É possível que seja prorrogado uma única vez e em igual período, mas tudo dependerá dos critérios adotados.

Para mais informações e conferência de tudo o que abordamos aqui, acesse os editais por meio da página do Cebraspe.

Qual o papel do Cebraspe no concurso TJ - RJ 2020?

De acordo com o regulamento publicado no dia 7 novembro de 2019, a banca examinadora está encarregada de todas as fases do Concurso TJ - RJ 2020. Especificamente:

  • Organização e operacionalização dos concursos públicos em suas diversas fases;
  • Todos os procedimentos relativos à inscrição no concurso, e deliberar a impugnação de inscrição de candidatos;
  • Elaboração do conteúdo programático de cada matéria, com a respectiva relação de pontos;
  • Elaboração e aplicação de provas e definição de gabaritos;
  • Elaboração de listas de classificação dos candidatos, e qualquer alteração necessária na lista final de aprovados;
  • Análise e julgamento dos recursos.

Regulamento: requisitos básicos

O regulamento prevê os requisitos básicos para o cargo de Técnico de Atividade Judiciária e de Analista Judiciário. Confira:

  • Ter nacionalidade brasileira;
  • Estar em dia com suas obrigações eleitorais;
  • Estar inscrito regularmente no Cadastro de Pessoas Físicas;
  • Possuir certificado de reservista, de dispensa de incorporação ou equivalente, em caso de candidato do sexo masculino;
  • Ter idade mínima de 18 anos;
  • Ter aptidão física e mental para o exercício da função;
  • Não haver sofrido sanção impeditiva do exercício de cargo público, ou seja, não ter sido condenado por crime contra o Patrimônio, contra a Administração e contra a Fé Pública. Prazo de cinco anos;
  • Comprovar bons antecedentes;
  • Comprovar endereço residencial.

Regulamento: escolaridade mínima

  • Técnico de Atividade Judiciária (sem especialidade): ter formação em nível médio completo ou curso técnico equivalente;
  • Analista Judiciário (com ou sem especialidade): ser graduado em nível superior completo, com base na especialidade escolhida.

Detalhe importante: ao entrarem em exercício, os candidatos aprovados ficarão sujeitos ao estágio probatório pelo período de três anos.

Mais detalhes sobre as remunerações para os cargos do concurso TJ - RJ 2020

A remuneração pode variar dependendo do cargo escolhido pelo candidato e de acordo com a estrutura de remuneração correspondente:

Cargo (vencimento base + GAJ + APJ)*Remuneração inicial em R$Remuneração final em R$
Técnico de Atividade Judiciária3.870,066.373,89
Analista Judiciário6.373,899.560,88

*GAJ: Gratificação de Atividade Judiciária; APJ: Adicional de Padrão Judiciário.

Para os Analistas Judiciários (especialidade de Execução de Mandados), também é adicionada uma Gratificação de Locomoção. Esta pode variar entre R$ 1.912,17 e R$ 2.868,26.

Todos os candidatos aprovados possivelmente terão direito ao auxílio: alimentação, locomoção, saúde, adoção, creche, doença, educação, funeral e adicional por tempo de serviço.

Concurso anterior do TJ - RJ 

Em 2014, o Tribunal de Justiça do estado do Rio de Janeiro ofereceu 90 vagas para técnico e 118 vagas para analista (Assistente Social, Psicólogo, Comissário de Justiça, da Infância, da Juventude e do Idoso, e Execução de Mandados).

As provas objetivas para os cargos de técnico abrangiam 100 questões sobre Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico Matemático, Noções de Direito Administrativo e Constitucional, Noções de Direito Processual, Noções de Direito Processual Penal, Noções de Custas Judiciais, e CODJERJ, Consolidação Normativa e Legislação Complementar.

As 70 questões de múltipla escolha para o cargo de analista foram divididas em conhecimentos básicos e específicos, com conteúdo programático específico para cada especialidade. Foram considerados aprovados na prova objetiva aqueles que acertaram 50% do total da prova.

Compartilhe

Concursos por E-mail
Assine nosso boletim para receber Concursos Rio de Janeiro diretamente no seu e-mail