Concurso PM - PR 2020: SAIU EDITAL com 2.400 vagas para Soldados

Concurso PM - PR (Polícia Militar do Paraná) edital 01/2020 é lançado! Serão 2.400 vagas para Soldados (PM e BM). Subsídio de R$ 4.263,67.

Concurso PM PR

Concurso PMPR - Polícia Militar do Paraná - Foto: Divulgação: Polícia Militar do Paraná

O Concurso PM PR (Polícia Militar do Estado do Paraná) está aberto! De acordo com o edital nº 01/2020, serão preenchidas 2.400 vagas para o cargo de Soldado de 2ª Classe Policial Militar e Soldado de 2ª Classe Bombeiro Militar. A execução, como já havíamos adiantado, está sob a responsabilidade do Núcleo de Concursos da Universidade Federal do Paraná (NC/UFPR).

Do total de vagas anunciado, 2.000 serão para Soldado Policial Militar e 400 para Soldado Bombeiro Militar, lembrando que ainda há as cotas para candidatos afrodescendentes. Entre os requisitos dispostos no edital, podemos mencionar que é necessário ter no máximo 30 anos de idade, CNH na categoria B e ensino médio completo.

A bolsa-auxílio prevista será inicialmente de R$ 1.933,63, durante o Curso de Formação. Já o subsídio do Soldado PM ou BM, após o Curso, será de R$ 4.263,67. O regime jurídico de contratação dos policiais é o tradicionalmente conhecido como estatutário, que garante estabilidade.

Como se inscrever

As inscrições podem ser feitas de 01 de abril de 2020 a 04 de maio de 2020 somente pelo site do NC/UFPR. A taxa é de R$ 100,00.

Podem solicitar dispensa do pagamento desse valor (dentro do prazo diferenciado informado no edital) os seguintes grupos de candidatos:

  1. aqueles que não puderem arcar com a despesa e que possuam inscrição no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal;
  2. aqueles que comprovem a prestação de serviço para a Justiça Eleitoral por, no mínimo, dois eventos eleitorais; e
  3. aqueles que comprovem ter realizado doação de sangue. 

Fique atento ao fazer a inscrição: 

  • Além de selecionar a opção de cargo (PM ou BM), o candidato deverá, no ato da inscrição, escolher a categoria de concorrência (se ampla concorrência ou se vagas destinadas aos afrodescendentes);
  • Será preciso também escolher o CRPM (1º/6º, 2º, 3º, 4º ou 5º) ou CRBM (1º, 2º ou 3º) ao qual deseja concorrer;
  • Por fim, necessário será optar por um local de prova, que poderá ser os seguintes municípios: Campo Mourão, Cascavel, Curitiba, Foz do Iguaçu, Francisco Beltrão, Guarapuava, Ivaiporã, Jacarezinho, Londrina, Maringá, Ponta Grossa, Paranaguá, Paranavaí, Telêmaco Borba, Umuarama ou União da Vitória.

O que fazem os Soldados PM e BM do Paraná?

Soldado da PM - PRSoldado Bombeiro Militar PM - PR
Realiza o policiamento ostensivo e outras missões que se relacionem com a preservação da ordem pública. Desempenha também outras atribuições previstas em lei.Atua na prevenção e no combate a incêndios, realiza também ações de busca e salvamento de pessoas. Executa ações relacionadas com a defesa civil, entre outras atividades afins previstas em lei.

Provas do concurso PM - PR

Na primeira fase do concurso as avaliações serão estas: prova objetiva (60 questões) e prova discursiva (uma redação). Os conteúdos da prova você pode conferir na sequência desta notícia.

A prova discursiva e objetiva será provavelmente aplicada no dia 28 de junho de 2020, preferencialmente nas cidades que já mencionamos anteriormente. O início da avaliação será às 13h, tendo uma duração total de cinco horas.

O gabarito provisório deverá ser divulgado no dia seguinte ao da aplicação. E você sabe quantos candidatos classificados terão as provas discursivas corrigidas?

O edital diz que somente os candidatos que alcançarem 20 pontos no conjunto das provas objetivas serão classificados para a correção da questão discursiva.

Os critérios utilizados para a correção dessa prova envolverão: argumentação lógica; domínio da estrutura discursiva; domínio da língua culta contemporânea; fidelidade ao que propõe a questão; legibilidade do texto; uso adequado de recursos coesivos; entre outros.

Na segunda fase, um pouco mais extensa, estão previstas as seguintes etapas: 

  • Exame de capacidade física;
  • Exame de sanidade física;
  • Avaliação psicológica
  • Investigação social.

Validade do concurso PM - PR

O prazo de validade do concurso PM - PR será de um ano, ressaltando que esse prazo começará a ser contado a partir da data da homologação do resultado final.

Se a administração pública achar conveniente, o prazo poderá ser prorrogado.

Dicas para as provas da PM - PR: resumo sobre a a Família Real no Brasil (1808-1822)

Quais motivos levaram a Família Real portuguesa a se instalar nas terras brasileiras, modificando profundamente o cenário do Brasil colônia? Quais foram os desdobramentos dessa decisão? Neste resumo entenda como foram os acontecimentos que marcaram os anos de 1808 a 1822 para Brasil e Portugal.

A viagem da Família Real até o Brasil começou no dia 29 de novembro de 1807 e terminou no dia 2 de janeiro de 1808, quando os navios desembarcaram em Salvador. A mudança foi motivada por conflitos entre Portugal e França durante o Período Napoleônico.

A Família Real portuguesa e os membros do governo português que a acompanharam instalaram-se no Rio de Janeiro, dando início a uma série de mudanças que definiram o chamado Período Joanino e levaram à independência do Brasil alguns anos depois.

1807-1808

Diante da pressão e tensão causadas pelas ambições de Napoleão Bonaparte na Europa, a Família Real e os membros do governo português, diante da ameaça de invasão francesa, decidiram às pressas embarcar para o Brasil colônia e assim fugir do domínio Napoleônico.

As 14 embarcações que viajaram rumo às terras brasileiras levavam, além de milhares de pessoas, dinheiro, objetos pessoais e itens de valor.

Estima-se que 10 a 15 mil pessoas fizeram parte dessa viagem, cujos preparativos foram feitos às pressas e em meio a uma predominante sensação de pânico.

De 25 a 27 de novembro de 1807, ocorreu o embarque rumo ao Brasil. Muitos itens provavelmente tenham sido esquecidos em Portugal, mas nenhum membro da Família Real que estivesse na linha sucessória ao trono permaneceu lá. Portanto, o país ficou sendo governado por uma junta governativa.

Enquanto navegavam, os navios portugueses encontraram navios de guerra da Inglaterra, sua aliada, que os auxiliaram até chegarem em segurança em terras brasileiras. Já na Europa, as tropas de Napoleão Bonaparte haviam invadido a capital de Portugal em novembro de 1807.

Como era de se esperar, a viagem de Portugal até o Brasil não foi tranquila. Diversos fatores, como a grande quantidade de pessoas e os preparativos feitos às pressas, influenciaram para que houvesse racionamento de recursos, falta de higiene, dormitórios improvisados e até mesmo um surto de piolhos, que levou as mulheres a raspar seus cabelos.

Além disso, uma tempestade separou os navios, levando alguns a desembarcar em Salvador e outros no Rio de Janeiro. Assim, depois de mais de 50 dias de navegação, os portugueses chegaram ao Brasil, dando início ao chamado Período Joanino.

Período Joanino (1808-1821)

O período Joanino corresponde desde a transferência do governo de Portugal para o Brasil até o retorno de Dom João VI para Portugal.

Além do valor histórico desse fato para terras brasileiras e portuguesas, também é importante ressaltar que essa foi a primeira transferência de um governo europeu para terras do continente americano.

Algo que provocou a insatisfação dos moradores da colônia brasileira no Período Joanino foi a necessidade de deixar suas casas para dar lugar aos funcionários do governo.

Entre as diversas medidas tomadas por Dom João VI para promover mudanças na economia brasileira, uma delas foi a abertura dos portos para nações aliadas, aproximando assim Brasil e Inglaterra.

A transferência do governo de Portugal para o Brasil proporcionou:

  • Pavimentação de ruas;
  • Criação do Banco do Brasil;
  • Criação da Imprensa Régia;
  • Criação de cursos de agricultura, cirurgia, química, desenho técnico, entre outros;
  • Criação do Museu Nacional, Biblioteca Real, Escola de Artes e Observatório Astronômico.

A boa relação entre os governos de Portugal e Inglaterra resultou em vantagens comerciais para os ingleses, que usufruíram de impostos mais baixos do que os outros países.

Assim, o Brasil passou a consumir uma grande quantidade de produtos ingleses, o que influenciou em sua industrialização tardia.

No entanto, as transformações ocorridas em nosso país durante o Período Joanino tiveram forte influência no processo de independência do Brasil alguns anos depois.

1821

Em Portugal, os ingleses venceram as tropas francesas de Napoleão Bonaparte, levando a população portuguesa a pedir o retorno da Família Real.

Diante de forte pressão por parte do povo português, Dom João VI acabou retornando para Portugal e deixando seu filho, Dom Pedro I, como príncipe regente. Pouco tempo depois, Dom Pedro tornou-se imperador nas terras brasileiras.

1822

Dom Pedro I governou o Brasil como Imperador de 1822 a 1831. Durante esse período, Portugal começou a pedir o seu retorno, mas não era da vontade de Dom Pedro I ir para Portugal.

Desde 1815, o Brasil era considerado uma sede administrativa de Portugal. Portanto, em 1822, Dom Pedro I declarou a Independência do Brasil. No ano de 1824, foi estabelecida a primeira Constituição do país.

Para conferir todo o conteúdo das provas da PM - PR adquira a Apostila específica completa.

Conteúdo programático completo da prova PM - PR

De acordo com o anexo do edital 01/2020, os conteúdos previstos para as provas do concurso PM PR foram os seguintes:

Língua Portuguesa

  • Apreensão do significado global dos textos;
  • Estabelecimento de relações intratextuais e intertextuais;
  • Reconhecimento da função desempenhada por diferentes recursos gramaticais no texto, nos níveis fonológico, morfológico, sintático, semântico e textual/discursivo;
  • Apreensão dos efeitos de sentido decorrentes do uso de recursos verbais e não verbais em textos de diferentes gêneros: tiras, quadrinhos, charges, gráficos, infográficos etc.;
  • Identificação das ideias expressas no texto, bem como de sua hierarquia (principal ou secundária) e das relações entre elas (oposição, restrição, causa/consequência, exemplificação etc.);
  • Análise da organização argumentativa do texto: identificação do ponto de vista (tese) do autor, reconhecimento e avaliação dos argumentos usados para fundamentá-lo;
  • Dedução de ideias e pontos de vista implícitos no texto;
  • Reconhecimento das diferentes “vozes” dentro de um texto, bem como dos recursos linguísticos empregados para demarcá-las;
  • Reconhecimento da posição do autor frente às informações apresentadas no texto (fato ou opinião; sério ou ridículo; concordância ou discordância etc.), bem como dos recursos linguísticos indicadores dessas avaliações;
  • Identificação do significado de palavras, expressões ou estruturas frasais em determinados contextos;
  • Identificação dos recursos coesivos do texto (expressões, formas pronominais, relatores) e das relações de sentido que estabelecem;
  • Domínio da variedade padrão escrita: normas de concordância, regência, ortografia, pontuação etc.
  • Reconhecimento de relações estruturais e semânticas entre frases ou expressões;
  • Identificação, em textos de diferentes gêneros, das marcas linguísticas que singularizam as variedades linguísticas sociais, regionais ou de registro

Raciocínio Lógico Matemático

  • Resolução de problemas numéricos, porcentagem, conjuntos e contagem;
  • Sistemas, equações e regra de três simples;
  • Área, volume e capacidade;
  • Cálculo da média, leitura e interpretação de dados representados em tabelas e gráficos.

História

  • 1. Brasil Colônia.
  • 1.1. Sistema colonial: sociedade do açúcar e da mineração.
  • 1.2. Paraná: movimentos de ocupação do território.
  • 1.3. A Família Real no Brasil (1808-1822).
  • 2. Brasil Império.
  • 2.1. Paraná: a dinâmica do tropeirismo.
  • 2.2. Café: escravidão e trabalho livre.
  • 2.3. A emancipação política do Paraná.
  • 2.4. O ciclo da erva-mate.
  • 2.5. A queda da monarquia.
  • 3. Brasil República.
  • 3.1. Implantação do regime republicano e conflitos sociais.
  • 3.2. A Guerra do Contestado.
  • 3.3. Política oligárquica e coronelismo.
  • 3.4. A era Vargas: Estado, Trabalho e Cultura.
  • 3.5. O Golpe Civil-Militar de 1964.
  • 3.6. Movimentos de resistência à ditadura.
  • 3.7. A abertura política.
  • 3.8. A Nova República e as características do Estado Democrático de Direito estabelecidas pela Constituição de 1988.
  • 3.8.1. Cidadania e movimentos sociais.
  • 3.8.2. A questão da desigualdade e da inclusão social.
  • 3.8.3. A Democracia e o papel das instituições de segurança pública

Geografia

  • 1. População e estruturação socioespacial em múltiplas escalas (Paraná, Brasil, Mundo).
  • 1.1. Teorias e conceitos básicos em demografia e políticas demográficas.
  • 1.2. Estrutura demográfica, distribuição da população e novos arranjos familiares. Movimentos, redes de migração e impactos econômicos, culturais e sociais dos deslocamentos populacionais. População, meio ambiente e riscos ambientais.
  • 1.3. Transformação das relações de trabalho e economia informal.
  • 1.4. Diversidade étnica e cultural da população.
  • 1.5. Geografias das diferenças: questões de gênero, sexualidade e étnico-raciais.
  • 1.6. Espacialidades e identidades territoriais.
  • 2. Estrutura produtiva, economia e regionalização do espaço em múltiplas escalas (Paraná, Brasil, Mundo).
  • 2.1. O espaço geográfico na formação econômica capitalista.
  • 2.2. Exploração e uso de recursos naturais.
  • 2.3. Estrutura e dinâmica agrárias.
  • 2.4. Industrialização, complexos industriais, concentração e desconcentração das atividades industriais.
  • 2.5. Espacialidade do setor terciário: comércio, sistema financeiro.
  • 2.6. Redes de transporte, energia e telecomunicações.
  • 2.7. Processos de urbanização, produção, planejamento e estruturação do espaço urbano e metropolitano.
  • 2.8. As relações rurais-urbanas, novas ruralidades e problemáticas socioambientais no campo e na cidade.
  • 2.9. Evolução da estrutura fundiária, estrangeirização de terras, reforma agrária e movimentos sociais no campo.
  • 2.10. Agronegócio: dinâmica produtiva, econômica e regional.
  • 2.11. Povos e comunidades tradicionais e conflitos por terra e território no Brasil.
  • 2.12. Produção e comercialização de alimentos, segurança, soberania alimentar e agroecologia.
  • 3. Formação, estrutura e organização política do Brasil e do mundo contemporâneo.
  • 3.1. Produção histórica e contemporânea do território no Brasil.
  • 3.2. Federalismo, federação e divisão territorial no Brasil.
  • 3.3. Formação e problemática contemporânea das fronteiras.
  • 3.4. Conflitos geopolíticos emergentes: ambientais, sociais, religiosos e econômicos.
  • 3.5. Ordem mundial e territórios supranacionais: blocos e fluxos econômicos e políticos, alianças militares e movimentos sociais internacionais.
  • 3.6. Regionalização e a organização do novo sistema mundial.
  • 3.7. Globalização: características, impactos negativos e positivos.
  • 4. A representação do espaço terrestre.
  • 4.1. A evolução das representações cartográficas e a introdução das novas tecnologias para o mapeamento, através do sensoriamento remoto (fotografias aéreas e imagens de satélite) e dos Sistemas de Posicionamento Terrestre (GPS).
  • 4.2. As formas básicas de representação do espaço terrestre e das distribuições dos fenômenos geográficos (mapas, cartas, plantas e cartogramas).
  • 4.3. Escalas, reconhecimento e cálculo.
  • 4.4. Sistema de coordenadas geográficas e a orientação no espaço terrestre.
  • 4.5. Projeções cartográficas.
  • 4.6. Identificação dos principais elementos de uma representação cartográfica, leitura e interpretação de tabelas, gráficos, perfis, plantas, cartas, mapas e cartogramas.

Informática

  • Noções de Informática: conceitos básicos de operação com arquivos nos sistemas operacionais Windows 10 e Linux (Ubuntu versão 14 ou superior);
  • Noções consistentes de uso de Internet para a informação (Mozila Firefox e Google Chrome) e correio eletrônico nos sistemas operacionais Windows 10 e Linux (Ubuntu versão 14 ou superior);
  • Noções de trabalho com computadores em rede interna, nos sistemas operacionais Windows 10 e Linux (Ubuntu versão 14 ou superior);
  • Noções de escrita e editoração de texto utilizando LibreOffice-Writer (versão 5.0.6 ou superior);
  • Noções de cálculo e organização de dados em planilhas eletrônicas utilizando o LibreOffice-Calc (versão 5.0.6 ou superior);
  • Noções, como usuário, do funcionamento de computadores e de periféricos (impressoras e digitalizadoras);
  • Noções, como usuário, dos sistemas operacionais Windows 10 e Linux (Ubuntu versão 14 ou superior).

Legislação - Estatuto da criança e do adolescente - ECA

  • 1. Lei nº 8.069/90 (Estatuto da Criança e do Adolescente) e suas alterações.
  • 1.1. Parte geral:
  • Título I – Das Disposições Preliminares.
  • Título II – Dos Direitos Fundamentais: Capítulos I (Do Direito à Vida e à Saúde), II (Do Direito à Liberdade, ao Respeito e à Dignidade), III (Do Direito à Convivência Familiar e Comunitária), IV (Do Direito à Educação, à Cultura, ao Esporte e ao Lazer) e V (Do Direito à Profissionalização e à Proteção no Trabalho.
  • Título III – Da Prevenção: Capítulo II, Seção I (Da informação, Cultura, Lazer, Esportes, Diversões e Espetáculos), Seção II (Dos Produtos e Serviços) e Seção III (Da Autorização para Viajar).1.2.Parte Especial:
  • Título III – Da Prática de Ato Infracional: Capítulos I (Disposições Gerais), II (Dos Direitos Individuais) e III (Das garantias processuais) e IV (Das Medidas Socioeducativas).
  • Título IV – Das Medidas Pertinentes aos Pais ou Responsável

Concurso anterior da PM - PR

O concurso anterior da PM - PR para soldado foi realizado no final de 2012 e início de 2013, quando foram preenchidas 4.445 vagas para o cargo de Soldado e 819 para qualificação de Bombeiro Militar. O concurso foi realizado pela Fundação FAFIPA e o preenchimento das vagas se deu em duas turmas.

Para concorrer naquele concurso, os candidatos foram avaliados através de prova de conhecimentos, exame de capacidade física, exame de sanidade física, avaliação psicológica e pesquisa social e documental.

A prova objetiva foi composta por questões de Língua Portuguesa, Matemática, História, Geografia, Informática, Estatuto da Criança e do Adolescente e Atualidades. 

Os candidatos realizaram as provas nos municípios de Campo Mourão, Cascavel, Curitiba, Foz do Iguaçu, Francisco Beltrão, Guarapuava, Ivaiporã, Jacarezinho, Londrina, Maringá, Ponta Grossa, Paranaguá, Paranavaí, Telêmaco Borba, Umuarama e União da Vitória.

O prazo de validade daquele concurso seria de apenas 30 dias, contados da homologação do resultado final da 2º turma. No entanto, houve retificação e o concurso teve, afinal, validade de um ano, improrrogável.

Compartilhe

Concursos por E-mail
Assine nosso boletim para receber Concursos PM PR diretamente no seu e-mail
Concursos RelacionadosVagas
CIUENP - SAMU 192 (Noroeste do Paraná)Todos os níveis de escolaridade30
Correios (Jovem Aprendiz)Aprendiz4.462
Câmara de Almirante TamandaréTodos os níveis de escolaridade8
Câmara de Prado FerreiraDiretor administrativo1
Câmara de São Pedro do IguaçuTodos os níveis de escolaridade1
Câmara de TapejaraTodos os níveis de escolaridade1
CONSAMUNível Superior12
CORE - PRNíveis Médio e Superior80
CRN 8Assistente técnico de nutrição e Assistente técnico em nutrição e dietética15
CRT - 04Nível Médio/Técnico6
Veja todos » Concursos Abertos