Concurso TJDFT: vagas previstas no PLOA 2021

Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios tem 428 vacâncias. Concurso TJDFT pode ofertar 111 vagas para profissionais de níveis médio e superior.

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) pode realizar seleção para efetivos no próximo ano. A previsão é do Projeto de Lei Orçamentária Anual 2021, que calcula uma oferta de 111 vagas para o concurso TJDFT. Considerando que não há realização de certames desde 2015, a expectativa é alta para um novo edital.

Enquanto os concurseiros aguardam, já devem começar a montar seu cronograma de estudos e se preparar. Veja mais detalhes na matéria abaixo:

Situação atual do concurso TJDFT

O presidente do Tribunal, Romão Cícero de Oliveira, afirmou que estudos para uma nova seleção estavam feitos há algum tempo. Sabe-se que foram concluídos em 2019 e que o órgão conta com 428 cargos vagos de níveis médio e superior. Estavam previstas 128 vagas no PLOA 2020, mas não aconteceu nenhum concurso TJDFT até agora.

Para 2021, a projeção reduziu o número para 111 vagas. Isso porque, segundo o Tribunal, as vacâncias seriam preenchidas por aprovados em outros concursos. No entanto, o edital segue sendo apenas uma possibilidade, uma vez que o PLOA 2021 ainda precisa ser aprovado no Congresso Nacional.

O concurso TJDFT é um dos mais esperados, principalmente após a criação de duas novas unidades judiciais. O órgão também tem a pretensão de implantar o Cartório Judicial Único para atender às 1ª, 2ª e 3ª Vara Cível e 1ª e 2ª Vara de Família e de Órfãos e Sucessões, todas da Circunscrição Judiciária de Águas Claras.

Dessa forma, serão necessários mais servidores para completar o quadro de pessoal e conseguir cumprir as demandas.

Concurso TJDFT: cargos e vagas

Dos 428 cargos vagos no Tribunal de Justiça, 226 são para nível superior na função de Analista Judiciário. Veja quais especialidades estão com falta de funcionários:

A previsão do concurso TJDFT pode contar com vagas para Técnico Judiciário, uma vez que existem 202 vacâncias no órgão. Os profissionais precisam possuir nível médio ou técnico, dependendo da área específica:

Concurso TJDFT: remuneração e benefícios

Seguindo o portal de transparência do Tribunal de Justiça do DF, as remunerações oferecidas podem variar de:

  • Analista Judiciário: R$ 5 mil até R$ 10 mil;
  • Técnico Judiciário: R$ 3 mil até R$ 6 mil.

Além disso, os contratados por meio do concurso TJDFT ainda podem contar com os seguintes benefícios:

  • Auxílio-alimentação;
  • Assistência pré-escolar;
  • Auxílio-transporte;
  • Assistência médica e odontológica.

Outro ponto vantajoso é que o órgão implementou o teletrabalho, dessa forma, os servidores podem trabalhar direto de suas casas. Essa oportunidade é aberta para quem fizer a solicitação em casos de:

  • Acompanhar cônjuge ou companheiro que foi deslocado ou se deslocou temporariamente por motivo justificado, para outro local do território nacional ou para o exterior;
  • Servidores com deficiência ou que tenham filhos, cônjuges ou dependentes com deficiência;
  • Mulheres gestantes e lactantes;
  • Pessoas que demonstrem habilidade de autogerenciamento de tempo e organização.

Concurso TJDFT: etapas e provas

Seguindo editais anteriores, é provável que o concurso TJDFT conte com uma única etapa dividida em duas avaliações. A primeira parte deve ser composta por prova objetiva com questões de:

  • Língua Portuguesa,
  • Noções de Informática (exceto para cargos da área de tecnologia da informação e afins),
  • Ética no Serviço Público e
  • Atualidades;
  • Conhecimentos específicos.

A segunda parte deve contar com prova discursiva, em que os candidatos precisam escrever uma redação de até 30 linhas sobre o tema exposto.

Último concurso TJDFT

A seleção anterior foi organizada pelo Cespe/UnB e contou com 80 vagas. As ofertas para Analista Judiciário foram nas áreas de:

  • Análise de Sistemas: 1 vaga;
  • Biblioteconomia: 1 vaga;
  • Psicologia: 1 vaga;
  • Tecnologia da Informação: 1 vaga;
  • Medicina – clínica médica: 1 vaga;
  • Medicina – ginecologia-obstetrícia: 1 vaga;
  • Medicina – neurologia: 1 vaga;
  • Medicina – pediatria: 1 vaga;
  • Medicina – psiquiatria: 1 vaga;
  • Medicina – odontológico: 1 vaga;
  • Oficial de Justiça Avaliador Federal: 2 vagas;
  • Área Judiciária: 31 vagas.

Enquanto as oportunidades para o cargo de Técnico Judiciário foram nas funções de:

  • Técnico Administrativo: 35 vagas;
  • Técnico em Enfermagem: 1 vaga;
  • Técnico em Programação de Sistemas: 1 vaga.

O concurso TJDFT de 2015 contou com prova objetiva composta por 120 questões de “certo ou errado”. Os conteúdos foram divididos entre conhecimentos específicos e básicos. Também houve uma prova discursiva.

Ao todo, 71.831 pessoas se inscreveram na seleção. Dos aprovados, 736 foram chamados.

Leia também

você pode gostar também

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa política de privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. AceitarLer mais