Como o estudo intercalado pode te ajudar na aprovação de concurso?

Descubra como o estudo intercalado pode ser útil na aprovação de concurso, já que tem algumas vantagens exclusivas.

A vida do concurseiro não é fácil. Afinal, o objetivo de passar nas provas do certame e conquistar o sonho de começar uma carreira pública de sucesso pairam em sua mente. Para te ajudar a ser um dos aprovados, vamos te mostrar como o estudo intercalado é de grande valia e pode deixar a sua aprovação mais perto do que se imagina.

Mas o que é o estudo intercalado?

Nada mais é do que uma eficiente técnica que tem o objetivo de distribuir as disciplinas que precisam ser estudadas e que fazem parte do seu cronograma de estudos, de uma maneira eficaz. Em outras palavras, conteúdos de diferentes áreas precisam ser agrupados dentro do mesmo ciclo de estudos.

Dessa forma, o concurseiro consegue manter o seu foco nos assuntos por mais tempo, pois essa prática é muito mais dinâmica. Com o estudo intercalado é possível estudar um maior número de disciplinas diferentes em um único dia, sem sobrecarregar a mente. Conheça os motivos pelos quais você deve se tornar o mais novo adepto dele:

1) Maior produtividade

Sem dúvidas, essa é a principal vantagem do estudo intercalado. Quando o concurseiro estuda disciplinas diferentes em um mesmo ciclo, a sua produtividade consegue ser bem maior, já que o seu cérebro vai estar em contato constante com assuntos diferentes. E isso aprimora a concentração e, por consequência, a produtividade.

2) Fixação do conteúdo com mais eficiência

Estudar matérias diferentes no mesmo dia (ciclo de estudos) também permite que o concurseiro consiga memorizar as informações com uma maior eficiência.

Quando se estuda assuntos diferentes em intervalos de tempo mais curtos, o cérebro precisa se adaptar a quantidade de novidades que precisam ser assimiladas. Sendo assim, o estudante estimula e exercita ainda mais a sua memória.

3) O seu tempo mais otimizado

Por meio do estudo intercalado, o concurseiro também consegue manter uma melhor organização do tempo de estudo destinado para cada disciplina, o que otimiza (e muito) a qualidade do aprendizado.

Suponha que você estude oito horas por dia. É possível reservar duas horas para estudar quatro matérias diferentes, desde que seja feito um cronograma de estudos coerente e realista.

4) Maior assimilação das informações

Outra vantagem de fazer o revezamento das disciplinas estudadas é que essa prática faz com que o concurseiro consiga estudar por mais tempo sem cansar a sua mente.

Isso garante uma boa assimilação das informações que precisam ser aprendidas. Mas lembre-se de estudar matérias que sejam de áreas distintas. Por exemplo, duas disciplinas da área de Exatas se intercalando com duas da área de Humanas.

5) Evita acumular matérias

O estudo intercalado é uma técnica que não deixa acumular matérias por causa da eficiência do ciclo de estudos que foi elaborado.

Essa é uma excelente alternativa para que o concurseiro não seja acometido pela ânsia de estudar na última hora (por falta de planejamento) ou na véspera das provas do certame, o que mais atrapalha do que ajuda.

6) Ciclos de revisões periódicas

Outra vantagem do estudo intercalado é que essa metodologia permite que sejam feitos ciclos de revisões periódicas. Essa prática evita que determinados conteúdos estudados caiam no esquecimento ou no abandono.

As matérias que o concurseiro concluiu em seu ciclo de estudos não devem ser esquecidas. A dica aqui é: assim que estudar cerca de 30% de todo o conteúdo, uma boa revisão deverá ser feita.

Como definir o seu cronograma para o estudo intercalado?

Fique de olho nas dicas abaixo sobre como definir um cronograma eficiente para o estudo intercalado:

  • Faça uma lista das matérias que precisa estudar para as provas do concurso;
  • Defina qual será o seu tempo livre (em dias) para estudar os conteúdos cobrados pelo edital;
  • Agora defina quantas horas você pretende estudar por dia, sem ficar mentalmente exausto. Lembre-se de ser realista quanto a esse ponto;
  • Dentro do período estipulado, organize como será o seu ciclo de estudos, ou seja, o número de blocos de disciplinas;
  • Procure mesclar, ao máximo, as matérias. Por exemplo, Língua Portuguesa e Filosofia (Ciências Humanas) e Matemática e Física (Ciências Exatas), fazendo parte do mesmo bloco.
  • Alterne o seu aprendizado, ou seja, intercale uma matéria de Exatas com uma de Humanas, para não ficar cansativo para a sua mente.

Agora que você está por dentro das vantagens do estudo intercalado e sabe como ele pode deixar a sua aprovação no concurso mais perto, que tal se tornar um adepto dessa prática hoje mesmo?

Leia também


você pode gostar também

Validade de concursos: como esse prazo afeta os concurseiros?

Entenda como funciona a validade de concursos públicos e saiba como esse prazo afeta a vida de todo concurseiro aprovado.

Estas 5 profissões antigas voltaram à moda no país e ganharam relevância

Conheça cinco profissões antigas que voltaram a ganhar espaço e relevância no mercado de trabalho brasileiro.

Concurso INSS: veja 5 dicas infalíveis para aplicar durante os estudos

As dicas infalíveis para aplicar durante os estudos do concurso INSS permitem que o concurseiro tenha mais organização nas etapas de aprendizagem e revisão do conteúdo.

Veja 5 coisas que você não pode colocar no seu currículo em 2022

Está procurando emprego? Saiba o que não colocar no currículo em 2022 e aumente as chances de ser convocado para uma entrevista.

5 profissões que pagam bem aos que desejam ter jornada de 20 horas semanais

Se você sempre sonhou em ter um alto salário mas sem trabalhar demais, conheça cinco profissões que pagam bem e trabalham pouco.

Profissões de Humanas: veja os 5 cargos mais bem pagos do Brasil

Sonha em começar uma carreira que paga um alto salário? Conheça cinco profissões de Humanas que podem transformar isso em realidade.