Casa Verde e Amarela: confira quem pode se inscrever no programa

Veja o que é o Casa Verde e Amarela, quem pode se beneficiar desse programa e detalhes sobre o aumento nos subsídios concedidos pelo governo.

Se você está pensando em realizar o sonho de comprar a casa própria, mas a grana ainda está meio curta, esse artigo pode te ajudar. As novas regras do Programa Casa Verde e Amarela podem beneficiar milhões de brasileiros que querem dar adeus ao aluguel.

Leia também

Continue a leitura até o final e conheça as novidades desse programa.

O que é o Programa Casa Verde e Amarela?

Trata-se de um programa habitacional criado pelo Governo Federal, que têm o objetivo de oferecer condições especiais de financiamento de imóveis populares, garantido um maior acesso de toda a população à casa própria, trazendo mais qualidade de vida e dignidade para os menos favorecidos.

O Programa Casa Verde e Amarela entrou no lugar do antigo Minha Casa Minha Vida, criado em 2009, e faz uso dos recursos da Caixa Econômica Federal para fazer o financiamento de moradias.

Desde a sua implementação, o programa já fez a entrega de mais de 1 milhão de imóveis, segundo informações do Governo Federal.

Quem pode se inscrever no Casa Verde e Amarela?

De acordo com a Caixa, todas as famílias que tenham renda total de até R$ 7 mil por mês podem se inscrever no Programa Casa Verde e Amarela.

Todas as famílias inscritas, ou que manifestaram interesse em participar do Programa Casa Verde e Amarela, são divididas em três grupos distintos. Como visto, o principal critério utilizado é a renda familiar, pois é através dela que serão estipulados os juros e os valores dos imóveis. Os grupos, no momento, são os seguintes:

  • Grupo 1: contempla todas as famílias com renda total de até R$ 2.000,00 por mês;
  • Grupo 2: contempla todas as famílias com renda total entre R$ 2.001,00 e R$ 4.000,00 por mês;
  • Grupo 3: contempla todas as famílias com renda total entre R$ 4.001,00 e R$ 7.000,00 por mês.

A taxa de juros também pode variar conforme o grupo em que a família está inserido, sendo mais baixa para quem possui uma renda mensal menor:

  • Grupo 1: as taxas de juros são de até 4,75% ao ano;
  • Grupo 2: as taxas de juros são de até 5,25% ao ano;
  • Grupo 3: as taxas de juros são de até 7,66% ao ano.

Em alguns casos específicos, o Governo Federal pode conceder descontos maiores para as famílias que moram nas regiões Norte e Nordeste do Brasil, já que são locais onde existe uma maior demanda por financiamento de imóveis.

Em seu site, a Caixa Econômica Federal disponibiliza diversas informações sobre o Programa Casa Verde e Amarela. Os interessados também podem tirar suas dúvidas por lá.

Quais são as novas regras do Programa Casa Verde e Amarela?

Segundo estimativas, a meta do governo em relação ao Casa Verde e Amarela é fazer a regularização de cerca de 2 milhões de imóveis e financiar aproximadamente 1,6 milhão de moradias populares, até 2024.

Mas para que isso aconteça efetivamente, foram implementadas algumas mudanças nas regras do programa. Dentre elas, está o aumento nos valores dos subsídios que serão concedidos, que ficaram da seguinte forma:

  • Imóveis localizados em áreas urbanas: os subsídios passarão de R$ 110 mil para R$ 130 mil;
  • Imóveis localizados em áreas rurais: os subsídios passarão de R$ 45 mil para R$ 55 mil.

Todas as mudanças já estão em vigor e foram publicadas no site do governo pelo Ministério do Desenvolvimento Regional. Além do mais, a Caixa já sinalizou uma possível redução de juros para o Grupo 1 (de 4,75% para 4,25%).

A renda máxima para esse mesmo grupo também sofrerá mudança: de R$ 2.000,00 para R$ 2.400 por mês.

Como se inscrever no Casa Verde e Amarela?

A contratação acontece através de uma construtora que faz parte dessa iniciativa, ou de uma entidade (ou instituição) que esteja vinculada a algum empreendimento financiável por intermédio de um banco público.

Depois da inscrição ser validada pela Caixa, o interessado terá acesso às principais condições de financiamento de moradias populares. Caso os documentos apresentados sejam aprovados pelo banco responsável, o contrato de financiamento é expedido e deverá ser assinado por ambas as partes.

Quais são os documentos necessários para o cadastro?

Se você se interessou em participar do Casa Verde e Amarela, vai precisar dos seguintes documentos para se cadastrar:

  • Comprovantes de rendimentos recentes de todos os membros da família;
  • Carteira de Identidade com foto recente e informações legíveis do responsável pelo financiamento;
  • CPF válido e sem pendências anteriores;
  • Certidão de nascimento (para solteiros), certidão de casamento (para casados) e certidão de casamento averbada (para divorciados);
  • Comprovante de residência atual;
  • Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (se for o caso).

Para trabalhadores autônomos participarem do Programa Casa Verde e Amarela, a comprovação de rendimentos pode ser feita através dos três últimos extratos bancários de pessoa física.

Leia também


você pode gostar também

5 soft skills mais procuradas pelos empregadores no país; veja a lista

Está procurando emprego? Conheça quais são as cinco soft skills mais procuradas pelos empregadores e tenha um diferencial competitivo.

Fique de olho: estas 5 profissões ainda vão crescer muito no Brasil

As transformações no mercado de trabalho criam novas profissões para atender às necessidades dos consumidores, garantindo profissões com bons salários e gratificações.

Confira 7 casos que exigem a emissão da nova CNH em 2022

Ainda que a resolução do Conselho Nacional de Trânsito estabeleça uma transição gradual para o documento, existem situações específicas que obrigam a emissão da nova CNH.

Estes 5 hábitos simples aumentam a sua produtividade no dia a dia

Se você quer obter um maior rendimento nos estudos, conheça cinco hábitos que aumentam a produtividade no dia a dia.

Estados mais ricos do país: confira ranking atualizado com o top 5

Cinco estados mais ricos do Brasil são São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Paraná.

3 hábitos de trânsito que dão multa na CNH e você ainda não sabia

As multas e punições previstas pelo Código de Trânsito Brasileiro servem para manter o trânsito um lugar seguro aos condutores e motoristas, também preservando as vias públicas.