Black Friday: 5 dicas para usar seu cartão de crédito com inteligência

As 5 dicas para usar seu cartão de crédito com inteligência permitem que o consumidor faça compras com consciência na Black Friday, sem dívidas desnecessárias.

Aprender como usar o cartão de crédito com inteligência é fundamental para que os consumidores fujam da inadimplência e dívidas desnecessárias. Sendo assim, existem 5 dicas para serem aplicadas durante a Black Friday que fazem total diferença quando se trata de aproveitar descontos.

Ainda que seja uma tradição importada do mercado estadunidense, a Black Friday é um dia que inaugura a temporada das compras de Natal. Neste sentido, diversas promoções, campanhas e descontos podem fazer com que os olhos dos consumidores brilhem. Por isso, deve-se compreender os limites do uso do cartão de crédito.

A expectativa é que a Black Friday movimente cerca de R$ 4,2 bilhões neste ano, de acordo com um levantamento realizado pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) no começo desse mês. Ou seja, é possível que esse evento seja a maior movimentação financeira no calendário do varejo local. Saiba mais a seguir:

5 dicas para usar seu cartão de crédito com inteligência

1) Estabeleça um limite dos gastos no cartão de crédito

Assim como o Governo Federal, é importante que você tenha uma política de teto de gastos pessoais. Ou seja, estabeleça o limite na quantia que você pretende gastar, com base no quanto você ganha mensalmente, mas também no rendimento de seus investimentos. Assim, é possível se planejar para pagar a fatura no próximo mês.

De acordo com os especialistas, a principal recomendação é calcular esse limite dos gastos com base na receita líquida. Ainda que a porcentagem ideal varie de acordo com a realidade de cada consumidor, é importante observar as condições do cartão junto com o banco contratado.

2) Fique atento aos prazos

Mais do que esperar a notificação do banco aparecer no aplicativo, faça um planejamento prévio para realizar o pagamento da fatura. Para isso, adote a ajuda de calendários, alarmes no celular e plataformas que auxiliam na gestão financeira.

Desse modo, é possível fugir dos juros acumulados que são cobrados acima das faturas atrasadas. Além de usar o cartão de crédito com inteligência no momento das compras, é importante saber gerir esse recurso com qualidade.

3) Faça uma gestão dos gastos

Além dos calendários para auxiliar no pagamento das faturas, os aplicativos de gestão financeira e planilhas de fluxo são excelentes ferramentas para manter um controle dos gastos. Dessa forma, pode-se identificar quais são as irregularidades na fatura, caso haja, mas também acompanhar as principais despesas ao longo dos meses.

4) Tenha um fundo de emergência

A reserva ou fundo de emergência é criada para atender o cidadão durante momentos de emergência, como adoecimentos ou demissões inesperadas. Assim, deve ser o suficiente para sustentar a pessoa ao longo do período de 6 meses ou 1 ano.

No geral, esse cálculo considera os gastos essenciais, mas também o tempo necessário para reestabelecimento da pessoa. Assim, caso o cartão de crédito ultrapasse o seu orçamento, pode-se contar com esse fundo. Entretanto, a recomendação é evitar mexer na quantia emergencial além das situações extremamente necessárias.

5) Evite as compras impulsivas

Ao longo do período da Black Friday, o que não faltará são anúncios tentadores, cupons de descontos e promoções em todos os lugares. Desde as redes sociais até os intervalos televisivos, os cidadãos precisam ficar atentos aos limites para não cair em enrascadas.

Antes de realizar uma compra, avalie se aquilo é realmente necessário. É claro que você pode dar um presente para uma pessoa querida ou satisfazer um desejo pessoal, mas considere o impacto desse gasto a longo prazo. Ou seja, como isso vai afetar o seu orçamento nos próximos meses?

Leia também

você pode gostar também

Mal ou mau: qual a diferença? Veja exemplos

Uma das maiores dificuldades dos falantes da língua portuguesa é descobrir quando usar corretamente os termos mau ou mal. Para sanar esta dúvida de uma vez por todas, confira algumas dicas para exercitar as palavras.

Recebeu uma multa que não é sua? Veja o que fazer e como recorrer

Se você foi multado, mas a pena foi aplicada de forma equivocada ou indevida, é possível entrar com recurso e regularizar a situação.

Tire estes aparelhos da tomada para Economizar Energia

Economizar energia elétrica pode ser mais simples do que se pensa; veja quais eletrônicos devem ficar fora da tomada.

Por que os palitos de pirulito têm um pequeno furinho na ponta?

Sempre fez questão de aprimorar os seus conhecimentos e tem a curiosidade aguçada, concurseiro? Então, descubra para que serve o furinho na ponta dos palitos de pirulito.

Entenda de onde surgiu o “sentido horário” dos relógios

Você já se perguntou por que o relógio gira em sentido horário? Este é um padrão que vem de relógios de sol antigos. Leia e entenda a seguir.

Afinal, qual é a verdadeira diferença entre poema e poesia? Entenda aqui

Apesar de parecerem idênticos, o poema e a poesia possuem algumas diferenças vitais, e que são de conhecimento essencial no mundo literário.