A partir de qual idade é possível obter o BPC de R$ 1,2 MIL? Veja regras

De acordo com as regras que viabilizam o Benefício de Prestação Continuada (BPC) de R$ 1,2 mil, existe uma idade específica em que é possível obter os pagamentos mensais.

O Benefício de Prestação Continuada é um programa assistencial mantido pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), e instituído através da Lei Orgânica da Assistência Social (BPC/Loas). Apesar da popularidade, nem todos sabem a partir de qual idade é possível obter o BPC de R$ 1,2 mil mensais.

Ainda que seja mantido pelo INSS, o BPC/Loas não equivale a aposentadoria, porque não garante pensão por morte, transferência do benefício para herdeiros ou 13º salário do instituto. Portanto, é um programa social pessoal, intransferível e vitalício, garantido aos cidadãos que atendem aos critérios de elegibilidade.

A partir de qual idade é possível obter o BPC de R$ 1,2 mil?

De acordo com a legislação que instituiu o Benefício de Prestação Continuada, o programa atende pessoas com deficiência de qualquer idade e idosos com 65 anos de idade ou mais, sem distinção de gênero. Sendo assim, crianças e adolescentes são atendidos no critério de pessoas com deficiência, independentemente da idade.

Já os demais contemplados devem ter 65 anos de idade ou mais, o que os caracterizam como idosos. As pessoas com deficiência, por sua vez, precisam passar por perícia médica e social com profissionais do instituto a fim de atestar a condição, pois é fundamental que a deficiência seja um impeditivo para convivência plena na sociedade.

Por definição, define-se como uma pessoa com deficiência aquelas que possuem impedimentos de longo prazo de natureza física, mental, intelectual ou sensorial.

Além disso, são indivíduos que, em interações com diversas barreiras, não conseguem ter uma participação plena e efetiva na sociedade em situação de igualdade de condições em relação aos outros indivíduos. Desse modo, é uma situação que afeta tanto o aspecto da saúde quanto a inserção social do cidadão.

Após a perícia médica e social com o profissional do INSS, é possível solicitar o BPC mediante a apresentação dos documentos solicitados. Porém, a concessão é feita desde que sejam atendidos outros critérios do programa.

Quais são as regras gerais do BPC?

Para ser considerado elegível aos pagamentos, os cidadãos precisam:

  • Estar com um cadastro atualizado no CadÚnico nos últimos 24 meses;
  • Fazer parte da categoria de pessoa idosa com 65 anos ou mais, ou ser uma pessoa com deficiência em qualquer idade, dentro das condições previstas na lei;
  • Possuir uma renda familiar per capita que seja menor ou igual a um quarto do valor vigente para o salário mínimo;
  • Ser um indivíduo elegível, com base na avaliação social com profissionais do instituto.

Para consultar o benefício, os brasileiros podem acessar diretamente os canais de atendimento do INSS. Sendo assim, é possível ligar diretamente no número 135, mas também no site do Meu INSS, ou pelo aplicativo do instituto, disponível para Android e iOS.

Os pagamentos do BPC são realizados automaticamente nas contas indicadas pelos titulares, mas o dinheiro pode ser retirado por meio do cartão magnético. No geral, as datas das transferências seguem o mesmo calendário previsto para os outros benefícios do INSS. Em setembro, o calendário previsto segue as datas:

Número final do NIS

Data de transferência

1

26 de setembro

2

27 de setembro

3

28 de setembro

4

29 de setembro

5

30 de setembro

6

03 de outubro

7

04 de outubro

8

05 de outubro

9

06 de outubro

0

07 de outubro

Leia também


você pode gostar também

CadÚnico tem direito ao Kit Antena Digital; saiba com obter o equipamento

O Kit Antena Digital é um direito de todas as famílias cadastradas no CadÚnico, que tenham uma antena parabólica da versão antiga.

BPC: qual é o período máximo para análise e concessão de R$ 1,2 MIL?

O período máximo para análise e concessão dos pagamentos mensais do BPC por parte do INSS foi atualizado em junho deste ano, a partir do acordo feito com o STF.

Trabalhou entre 1971 e 1988? Bolada do PIS/Pasep está disponível para saque

De acordo com a Caixa Econômica Federal, a bolada do PIS/Pasep totaliza R$ 24,6 bilhões em recursos destinados para quem trabalhou entre 1971 e 1988.

Saque FGTS é liberado para 18 cidades; valor máximo é de R$ 6,2 MIL

A Caixa vai liberar o saque do FGTS por calamidade nas regiões atingidas por desastres ambientais. Confira os critérios de saque.

Auxilio Brasil é pago para novo grupo; veja calendário completo

Esta é a segunda parcela com o valor mínimo de R$ 600, que vigorará até dezembro, conforme emenda constitucional promulgada em julho pelo Congresso Nacional.

13º salário do INSS: veja calendário da cota única que será paga em 2022

A parcela única do 13º salário do INSS é paga a todos os segurados que, neste ano, receberam o auxílio por motivos específicos.