INSS: parcela única do abono será paga ainda em 2022

Parcela única do abono do INSS deverá ser paga no final do ano de 2022. Confira quem terá direito a receber os valores.

Em 2022, o governo federal antecipou o repasse do 13º salário para aposentados e pensionistas. O valor foi depositado em duas parcelas. Entretanto, nem todos os segurados receberam. Portanto, estão previstos os pagamentos de uma parcela única do abono do INSS.

Vale lembrar que o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) também é o responsável pelos repasses do Benefício de Prestação Continuada (BPC). Contudo, quem recebe o BPC não possui direito ao 13º salário, pois trata-se de um auxílio e não um direito adquirido via previdência Social.

INSS: parcela única do abono em 2022

Entre os meses de abril e junho o governo federal fez os repasses do 13º salário do INSS. Cerca de 30 milhões de pessoas receberam o dinheiro. Contudo, os aposentados e pensionistas que passaram a receber os pagamentos da Previdência Social a partir de maio não tiveram o dinheiro depositado.

Portanto, está prevista uma parcela única do abono do INSS ainda no final de 2022 para essas pessoas. No caso, os repasses devem ocorrer entre os meses de novembro e dezembro, como ocorreria caso não houvesse o adiantamento.

O dinheiro será pago de forma automática os inscritos, não sendo necessário fazer qualquer tipo de solicitação. É possível conferir os repasses pelo site do Meu INSS, aplicativo do Meu INSS (Android e iOS) e pelo telefone 135, que funciona de segunda-feira a sábado, das 7h às 22h.

Calendário INSS: parcela única do abono (13º salário)

O calendário do INSS organiza os repasses por meio do Número de Beneficiário (NB). No caso, o penúltimo dígito (999.999.999-9) é levado em consideração. A parcela única do abono do INSS (13º salário) para quem não teve os pagamentos antecipados será paga juntamente aos repasses que ocorrem entre novembro e dezembro. Veja:

Quem ganha até um salário mínimo (R$ 1.212)

  • Penúltimo dígito do NB 1: 24 de novembro de 2022;
  • Penúltimo dígito do NB 2: 25 de novembro de 2022;
  • Penúltimo dígito do NB 3: 28 de novembro de 2022;
  • Penúltimo dígito do NB 4: 29 de novembro de 2022;
  • Penúltimo dígito do NB 5: 30 de novembro de 2022;
  • Penúltimo dígito do NB 6: 01 de dezembro de 2022;
  • Penúltimo dígito do NB 7: 02 de dezembro de 2022;
  • Penúltimo dígito do NB 8: 05 de dezembro de 2022;
  • Penúltimo dígito do NB 9: 06 de dezembro de 2022;
  • Penúltimo dígito do NB 0: 07 de dezembro de 2022.

Quem recebe acima de um salário mínimo

  • Penúltimo dígito do NB 1 ou 6: 01 de dezembro de 2022;
  • Penúltimo dígito do NB 2 ou 7: 02 de dezembro de 2022;
  • Penúltimo dígito do NB 3 ou 8: 05 de dezembro de 2022;
  • Penúltimo dígito do NB 4 ou 9: 06 de dezembro de 2022;
  • Penúltimo dígito do NB 5 ou 0: 07 de dezembro de 2022.

Teto do INSS em 2023 deve ter novo valor

Na última quarta-feira (31/08), o governo federal enviou o Projeto de Leio Orçamentária Anual (PLOA) ao Congresso Nacional. O texto prevê os gastos do governo federal para o ano de 2023. Os gastos com educação, programas sociais, saúde, segurança pública e investimentos estão presentes.

Entre as medidas está o novo valor do salário mínimo, que deverá ir para R$ 1.302, caso a previsão do Ministério da Economia se concretize. No caso, o governo pretende apenas reajustar o valor baseado na inflação, mas sem ganho real. No caso, o poder de compra deve se manter o mesmo.

Para isso medir a inflação, o governo utiliza o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), medido pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Esse mesmo índice também afeta os repasses do teto do INSS.

O Ministério da Economia projetou que a inflação anual será de 7,41%. Com isso, o teto do INSS em 2023 deverá ser de R$ 7.612,38. Isso representa uma elevação de mais de R$ 550 em relação ao que é pago neste ano (R$ 7.087,22).

Ao mesmo tempo, é preciso ressaltar que o resultado final do INPC só será divulgado pelo IBGE em janeiro do ano que vem. Sendo assim, existe a possibilidade dos números previstos pelo governo federal não se tornarem realidade.

Com isso, o teto do INSS poderá ser modificado. Portanto, trate o valor como uma projeção, com possibilidade de mudança.

Leia também


você pode gostar também

Caixa LIBERA saques de até R$ 6,2 MIL; veja quem tem direito em 2022

O saque calamidade é disponibilizado aos trabalhadores que tenham suas residências atingidas por desastres naturais.

Auxílio Gás já tem VALOR previsto para outubro; veja estimativa

O Auxílio Gás varia conforme o preço médio do botijão de gás de cozinha muda no mercado. O repasse de outubro já tem datas e valor previsto.

Calendário INSS: nova rodada de R$ 1,2 MIL é liberada HOJE; veja quem recebe

A partir desta terça-feira, uma nova rodada de R$ 1,2 mil do calendário INSS é liberada para os beneficiários que recebem até um salário mínimo e estão em dia com o instituto.

Empréstimo Auxílio Brasil será liberado NESTA semana; veja regras oficiais

Portaria regulamenta o empréstimo consignado do Auxílio Brasil, com número máximo de parcelas em 24 e taxa de juros de até 3,5% ao mês.

Seu benefício do INSS pode ser CORTADO em 2022? Veja regras do pente-fino

Algumas pessoas devem ser convocadas a passar por um novo pente-fino do INSS que irá verificar quem ainda tem direito ao benefício.

Desconto no IPVA será liberado para ESTES carros

Carros elétricos e híbridos terão descontos no IPVA (Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores). Saiba os detalhes.