FGTS: saiba como consultar saldo e extrato da sua conta pelo CPF

Consulta do FGTS pode ser feita pelo CPF de forma online e gratuita. Além disso, existem outras modalidades.

O Fundo de Garantia do Temo de Serviço (FGTS) é um direito de todo trabalhador formal no país. As empresas depositam uma fração do salário do empregado para que ele tenha uma reserva para situações específicas. Sendo assim, veja como consultar saldo do FGTS pelo CPF.

Lembrando que, além da consulta feita pelo CPF, o interessado pode ligar para o telefone 0800 726 0101 de forma gratuita ou mesmo ir até uma agência da Caixa com um documento pessoal e a Carteira de Trabalho.

Como consultar o FGTS pelo CPF

De acordo com a Caixa Econômica Federal, a consulta do FGTS pelo CPF pode ser feita da seguinte maneira:

  • Baixe o aplicativo do FGTS no seu celular (Android ou iOS);
  • Caso seja inscrito, apenas digite o CPF e senha;
  • Caso não seja, vá opção “Cadastre-se”;
  • Será solicitado o CPF, nome completo, data de nascimento, e-mail e uma senha de acesso (crie uma);
  • Depois, vá em “Não sou um robô”;
  • Em seguida, abra seu e-mail e procure pela confirmação da Caixa;
  • Clique no link do e-mail.
  • Depois, volte para o app e digite o CPF e a senha;
  • Aceite as condições;
  • Por fim, na tela inicial é só consultar o saldo e o extrato.

Quando posso sacar o FGTS

De acordo com a lei, é possível sacar o FGTS nas seguintes condições:

  • Demissão sem justa causa de um emprego formal;
  • Desemprego prolongado (três anos sem emprego com carteira assinada);
  • Fim do contrato por prazo determinado;
  • Trabalho avulso suspenso;
  • Fechamento de empresa onde o trabalhador era funcionário;
  • Doença grave;
  • Compra de moradia própria;
  • Necessidade urgente e grave;
  • Aposentadoria;
  • Falecimento do proprietário da conta (dinheiro obtido pelos familiares).

O governo federal ainda oferece a opção do saque-aniversário. Nessa modalidade, uma parte do saldo da conta do FGTS é paga ao trabalhador anualmente, sempre no mês do seu nascimento.

Leia também

você pode gostar também