Nova CNH: troca do documento será obrigatória? Veja mudanças previstas

Nova CNH entra começa a ser emitida no Brasil 1º de junho de 2022. Documento conta com algumas mudanças.

A nova Carteira Nacional de Habilitação entrará em vigor a partir do dia 1º de junho em todo o território nacional. A nova CNH será implementada seguindo a resolução 886 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), de dezembro de 2021.

Essa nova versão atualizada da CNH aproxima a carteira de motorista do Brasil com o padrão internacional, com sua identificação impressa em idiomas distintos: português, inglês e francês.

O documento adota padrões de segurança contra falsificações, como o uso de tinta que brilha no escuro, holograma e impressão reativa a luz ultravioleta. O QR Code permite que o motorista tenha acesso à Carteira Digital de Trânsito (CDT), via aplicativo, segue vindo impressa no verso do documento.

Nova CNH: o que muda?

As mudanças na Carteira Nacional de Habilitação contemplam o design do documento, as modalidades (digital e impressa) e também outras regras.

O modelo da CNH recebeu modificações. A versão impressa, por exemplo, será emitida nas cores verde e amarelo. O QR Code torna-se obrigatório para haver a possibilidade do uso digital do documento.

Além disso, existem mais informações sobre o condutor e sobre os veículos que ele pode conduzir. Imagens foram adicionadas para auxiliar condutores e agentes de trânsito. Quem tiver a CNH Definitiva terá a letra “D” para identificar o documento. Quando for apenas “Permissão”, vigorará a letra “P”.

A CNH digital já existia desde uma atualização realizada no documento anteriormente. A CNH e CRLV estão presentes no aplicativo Carteira Digital de Trânsito (Android e iOS).

Dessa forma, o motorista tem todos os dados necessários para dirigir em um só lugar.

Nova CNH: validade e prazo para mudar documento

No momento, a nova CNH não é obrigatória. Entretanto, com o passar dos anos, quando o atual documento tiver vencido, será necessária a troca.

A partir de 1 de junho de 2022, a versão nova já será emitida pelos órgãos responsáveis. Ela valerá para quem for tirar a CNH pela primeira vez, além dos casos de reabilitação, renovação, segunda via ou documento definitivo.

Além disso, a validade da CNH também foi modificada. Condutores com até 50 anos precisam renovar o documento a cada 10 anos. Para motoristas com idade entre 50 e 70 anos, a validade será de cinco anos e, para quem tem acima de 70 anos, o prazo será contado a cada três anos.

Leia também

você pode gostar também