Afinal, qual é a melhor forma de colocar o nível de inglês no currículo?

Saber como desenvolver o seu currículo da maneira correta é o ponto-chave para obter sucesso na contratação. Por isso, veja como colocar o segundo idioma sem errar.

O currículo, que tem origem do latim “Curriculum Vitae”, trata da carreira de vida. Ele é o principal documento que garante a oportunidade de inúmeras pessoas conseguirem um emprego. Dentro do currículo estão inseridas as principais informações pessoais e experiência profissional de cada pessoa.

Desse modo, é extremamente importante preenchê-lo de forma adequada, pois a forma como é apresentado pode ser um fator decisivo no processo de seleção para a vaga de emprego desejada.

Por que colocar um segundo idioma no currículo?

Grande parte da população não sabe falar outros idiomas além do português. Diante disso, quando você possui um conhecimento em outros idiomas, mesmo que básico, você já está na frente de muitas pessoas e consegue, dentro do currículo, chamar a atenção do recrutador.

Atualmente no mercado de trabalho, diversos cargos com altos salários exigem que o profissional saiba o idioma inglêsAssim, se você possui conhecimento neste idioma é importante saber em quais campos do currículo sejam eles na seção “habilidades” ou “idiomas” o Inglês deve permanecer. Isso porque, a inserção do idioma no currículo depende do seu nível de conhecimento.

Veja a seguir como inserir o seu nível de inglês corretamente em seu currículo.

Avaliação do nível de inglês

Em primeiro momento é essencial que você saiba qual o seu nível de conhecimento em inglês. O currículo, além da objetividade, deve ser preenchido com clareza e verdade, assim, é fundamental que você seja realista com as suas capacidades de entendimento no idioma.

Vale destacar que quando você coloca dentro do currículo o seu nível de inglês, este é avaliado durante o processo de seleção para o cargo pretendido. Dessa forma, o recrutador irá analisar, por exemplo, se você sabe falar fluentemente como consta em seu currículo. Com efeito, os níveis de proficiência no idioma são:

Básico

Engloba as pessoas que possuem conhecimentos introdutórios no idioma inglês e tem uma pequena compreensão sobre a fala e escrita nessa língua;

Intermediário

O nível intermediário de Inglês abrange as pessoas que conseguem realizar conversas em inglês de maneira mais simples, isto é, com palavras e frases mais usuais;

Avançado

O nível avançado de inglês trata das pessoas que possuem domínio em conversar, ler e escrever nesse idioma.

Fluente

O nível fluente em inglês abrange as pessoas que conseguem se expressar naturalmente mesmo diante de frases e textos complexos e sem apresentarem dificuldades, pois possuem um grande entendimento do idioma.

Há também outra forma de descrever o seu nível de inglês no currículo, sendo pelas informações constantes no Quadro Europeu, as quais são:

  • A1 – nível iniciante: é capaz de falar frases muito simples;
  • A2 –  nível básico: consegue entender e formular frases isoladas;
  • B1 –  nível intermediário: realiza conversas simples;
  • B2 –  nível independente: compreende a ideia principal de discursos complexos;
  • C1 – nível proficiente: é capaz de falar e entender discursos complexos;
  • C2 – nível com domínio pleno: consegue se expressar de forma complexa e sem dificuldades.

Onde você deve colocar o idioma Inglês no currículo?

Caso você tenha entendimento somente no inglês ou ainda esteja realizando cursos deste idioma, você pode inseri-lo no campo chamado de “habilidades”. No entanto, se você possui conhecimento em outros idiomas além do inglês, é necessário que você inclua todos eles na seção chamada de “idiomas”.

Por fim, é importante que você coloque as informações sobre o nome da escola e o período em que você realizou o curso de inglês e outros idiomas, assim como se você ainda estiver estudando, deverá inserir o seu nível atual e a data estimada para a conclusão do curso. 

Leia também

você pode gostar também

7 sinais de que você deveria mudar de profissão

Está insatisfeito com o seu atual emprego? Então conheça os sete sinais de que você deveria mudar de profissão e cogite uma transição de carreira.

Para que servem aquelas bolas laranjas nos fios de transmissão?

Fios de alta tensão geralmente possuem itens de segurança bastante chamativos para evitar acidentes que possam danificar os fios e causar maiores problemas.

Convocação, nomeação e posse: saiba qual é a diferença

A diferença entre a etapa de convocação, nomeação e posse em um concurso público pode criar dúvidas nos candidatos, principalmente sobre a burocracia e procedimentos ao longo desses níveis.

O que 2023 reserva para os concursos? Veja 7 editais previstos

Os concursos públicos previstos para serem realizados no Brasil em 2023 podem ofertar vagas para profissionais de níveis médio, técnico e superior.

7 verdades sobre concursos públicos que vão te motivar

Está querendo começar uma carreira pública em 2023? Então, conheça sete verdades sobre concursos públicos que podem deixar a sua motivação nas alturas.

Como usar o marketing pessoal para ter bons relacionamentos no trabalho?

Entenda melhor o conceito de marketing pessoal e veja como aplicar esse conhecimento à sua vivência profissional.