7 coisas que você nunca pode fazer com suas lentes de contato

Pessoas que utilizam a correção devem ficar atentas a respeito das coisas que você nunca pode fazer com suas lentes de contato.

As lentes de contato são a salvação para muitas pessoas que não conseguem se acostumar com maior tranquilidade aos óculos de grau. Tanto aqueles que já as utilizam há um bom tempo quanto os que estão se adequando a elas agora devem tomar cuidado: existem coisas que você nunca pode fazer com suas lentes de contato.

Leia também

Mesmo que sejam utilizadas mundialmente e sejam recomendadas para muitos, elas ainda são corpos estranhos que ficam em contato constante com os olhos, algo que pode causar complicações. Este tipo de problema só pode ser evitado tomando todos os cuidados necessários com o uso da correção.

Seja como for, é importante ter em mente que este texto é meramente informativo, feito com o intuito de alertar a respeito de questões comuns que a maioria das pessoas que utilizam as lentes podem enfrentar. Para mais informações específicas de como proceder, é recomendado consultar um oftalmologista.

O que você não deve fazer com suas lentes de contato

1. Não lavar as mãos ao colocá-las

Este erro não é apenas um problema por conta das lentes, mas também na higiene geral. Lavar as mãos é essencial para evitar contaminações, visto que elas estão em contato com tudo e todos diariamente.

No caso da lente de contato, ao não lavar as mãos direito e não secá-las antes de colocar ou tirar o objeto, as chances de contaminá-lo podem aumentar exponencialmente. É comum que as infecções da córnea sejam causadas por bactérias por este motivo.

2. Lavar a lente com água da torneira

Apesar de comum, este hábito também é extremamente prejudicial para a saúde de quem usa lentes de contato. Apesar da água da torneira ser tratada, ela não está livre de certos microrganismos, capazes de atingir a córnea e causar infecções. As lentes devem ser lavadas apenas com a solução adequada.

3. Reutilizar a solução no estojo

Ainda sobre a solução das lentes, aqui está outro problema que deve ser evitado a todo custo. Ao retornar as lentes de contato ao estojo, é preciso trocar a solução de limpeza. Afinal, elas podem conter resíduos que, apesar de minúsculos, podem causar infecções graves.

Em certos casos, as lentes podem ser infectadas até mesmo por fungos ou parasitas, que resultam em problemas ainda mais difíceis de serem tratados.

4. Dormir com lentes de contato

A maioria das pessoas que fazem uso desta correção certamente já acabaram pegando no sono com as lentes de contato uma ou outra vez. Tudo bem fazer isso em ocasiões raras, mas é preciso entender que o hábito é extremamente prejudicial para a saúde.

Da mesma forma que os outros problemas, as lentes são perigosas para a saúde ocular, por conta do risco de infecções por bactérias, fungos e vírus. Antes de dormir, por mais que o cansaço impere, é necessário retirar e higienizar as lentes.

5. Utilizar as lentes fora do prazo de validade

Toda e qualquer lente de contato possui prazo de validade. Enquanto algumas duram apenas um dia, outras podem ser utilizadas por até um mês. Mesmo com este prazo maior, é importante evitar colocá-las após este período.

As correções possuem poros por onde passa o oxigênio, de modo que a córnea possa “respirar”. Passado o prazo de validade, tais poros não funcionam mais, acumulando bactérias que resultam em infecções e lesões perigosas na córnea.

6. Não limpar e/ou trocar o estojo

Assim como uma lente possui seu prazo de validade, o estojo onde é armazenada também não é eterno. Limpá-lo com certa regularidade é essencial, removendo a solução antiga e enxaguando-o com a nova. Isso deve ser feito todos os dias. No caso da troca, ela deve ocorrer a cada 3 meses, como é recomendado pelos oftalmologistas.

7. Lavar a lente com soro fisiológico

Este tipo de erro é comum, mas também ocasiona em problemas sérios. As lentes só devem ser lavadas com soluções de limpeza específicas, pois só elas podem conservar o material e remover suas impurezas. A solução também possui agentes antimicrobianos, que melhoram ainda mais o processo.

Já o soro fisiológico apenas hidrata as lentes. Isso significa que as impurezas e possíveis bactérias ainda seguem por lá.

Leia também


você pode gostar também

Confira 9 profissões incríveis para quem é apaixonado por animais

Você gosta de bichos? Então, conheça nove profissões para quem é apaixonado por animais e decole rumo ao sucesso em sua carreira profissional.

Veja os Signos que não abrem mão da liberdade no dia a dia

Alguns signos do zodíaco precisam se sentir mais livres no dia a dia e nas relações, portanto não abrem mão do seu próprio tempo sozinhos.

Veja 3 truques infalíveis para cortar cebola sem chorar

A cebola cortada libera um tipo de ácido que acaba levando às lágrimas quem está cortando o alimento. Saiba o que fazer para evitar o choro.

É possível aumentar o limite de Pix no app do Nubank; veja como

Banco digital criou uma nova funcionalidade, permitindo que clientes façam ajustes em limites diários de transações feitas via Pix.

Estes 5 comportamentos comuns no trânsito podem render multa

Alguns motoristas têm atitudes que acabam gerando multas e notificações no trânsito. Veja os erros mais comuns e não reproduza mais.

15 palavras parecidas, mas com significados bem diferentes

As palavras parecidas que possuem significados bem diferentes fazem parte de uma categoria gramatical chamada parônimas, mas nem todos conhecem os usos e regras.