5 dicas para evitar a curva do esquecimento durante os estudos

Descubra como é possível evitar a famigerada curva do esquecimento durante a fase de preparação para as provas do concurso.

Por um acaso você já teve uma grande dificuldade de memorizar algum assunto que acabou de estudar? Então, é bastante provável que o seu cérebro tenha sido acometido pela curva do esquecimento. Selecionamos cinco dicas valiosas para evitar a curva do esquecimento durante os estudos e que podem deixar a sua aprovação no concurso ainda mais perto. Confira.

Mas o que é a curva do esquecimento?

Trata-se de um importante conceito criado pelo renomado psicólogo alemão Hermann Ebbinghaus, em 1885. Segundo ele, a curva do esquecimento acontece quando estudamos um determinado assunto e, com o passar do tempo, acabamos esquecendo o que foi aprendido.

Na verdade, existe uma estreita relação entre a retenção do conteúdo assimilado e o período de tempo que as informações permanecem na memória. Ou seja, mais cedo ou mais tarde você vai acabar se esquecendo do que estudou, se algumas medidas não forem tomadas. Veja quais são elas:

Como evitar a curva do esquecimento?

1) Revisão frequente

Talvez essa seja a dica considerada padrão ouro para se evitar a curva do esquecimento durante os estudos. Sempre que acabar de estudar um determinado assunto, o concurseiro deve revisá-lo dentro das próximas 24 horas, no máximo. É durante esse período que as informações ainda estão “fresquinhas” em sua mente.

Quanto mais tempo o estudante passar sem uma revisão eficiente, maiores serão as chances de esquecer o que aprendeu. Lembre-se de que esquecer é algo natural e comum a todo ser humano, mas revisar é necessário. Por isso, não seja negligente e reserve um tempo em seu cronograma de estudos para se dedicar às revisões, fechado?

2) Reveja os tópicos de cada matéria

Uma outra valiosa dica para evitar a curva do esquecimento durante os estudos é reativar em sua mente os conteúdos que foram estudados há mais de uma semana. Em suma, reveja os principais tópicos de cada disciplina, mesmo que seja através de uma leitura dinâmica, por exemplo.

Isso é importante, já que o seu cérebro não vai descartar as informações (devidamente revisadas) que podem ser de grande valia na hora das provas. A tendência é que a sua mente as retenha por um período maior de tempo. E isso é interessante para o concurseiro, sem sombras de dúvidas.

3) Pratique, pratique, pratique

Mas não é somente uma boa revisão que pode evitar a curva do esquecimento durante os estudos. A prática constante também pode.

Além de testar os seus conhecimentos, fazer exercícios pode fixar as informações ainda mais em sua mente, reduzindo as chances de dar aquele branco na hora das provas.

Uma boa sugestão é fazer os simulados de concursos anteriores, já que eles trazem questões similares às das provas que você vai encarar mais adiante.

Pode até não parecer, mas o treino frequente (através da resolução de questões) é bastante útil para não ficar a ver navios na hora H. Estimule o seu cérebro, concurseiro.

4) Revisão extra? Sim!

Outra dica bacana sobre como evitar a curva do esquecimento durante os estudos, é fazer uma revisão extra de todo o conteúdo estudado, após 20 dias, em média. Essa saudável prática, desde que seja feita de forma eficiente, vai turbinar o seu aprendizado e a manutenção do conhecimento em sua mente.

A grande questão é que revisões extras (e frequentes também) impedem que o seu cérebro descarte informações importantes. O bom e velho resumo pode ser o seu grande aliado nessa hora.

Além disso, existem outras técnicas de revisão que também podem ser úteis. Basta escolher aquela que mais combina com a sua maneira de estudar e pronto.

5) O contato com o conteúdo deve ser uma experiência marcante

Para evitar a curva do esquecimento durante os estudos, concurseiro deve fazer do seu período de preparação para as provas uma experiência marcante (positivamente, claro). Ou seja, todo o processo de aprendizagem deve ser intenso e, sobretudo, memorável.

Por isso, é fundamental destacarmos a extrema importância de se criar formas diferentes de abordagem para os conteúdos. Em suma, inove na forma de aprender os assuntos. Pode ser anotando os tópicos mais importantes, explicando para si mesmo, montando esquemas ou até ensinando para alguém. Pode acreditar, costuma dar muito certo.

Viu como evitar a curva do esquecimento durante os estudos não é algo impossível? Agora é seguir as dicas acima de reduzir as chances de esquecer o que acabou de aprender. Afinal, contar com a sorte nem sempre é o mais recomendado.

Leia também


você pode gostar também

Validade de concursos: como esse prazo afeta os concurseiros?

Entenda como funciona a validade de concursos públicos e saiba como esse prazo afeta a vida de todo concurseiro aprovado.

Estas 5 profissões antigas voltaram à moda no país e ganharam relevância

Conheça cinco profissões antigas que voltaram a ganhar espaço e relevância no mercado de trabalho brasileiro.

Concurso INSS: veja 5 dicas infalíveis para aplicar durante os estudos

As dicas infalíveis para aplicar durante os estudos do concurso INSS permitem que o concurseiro tenha mais organização nas etapas de aprendizagem e revisão do conteúdo.

Veja 5 coisas que você não pode colocar no seu currículo em 2022

Está procurando emprego? Saiba o que não colocar no currículo em 2022 e aumente as chances de ser convocado para uma entrevista.

5 profissões que pagam bem aos que desejam ter jornada de 20 horas semanais

Se você sempre sonhou em ter um alto salário mas sem trabalhar demais, conheça cinco profissões que pagam bem e trabalham pouco.

Profissões de Humanas: veja os 5 cargos mais bem pagos do Brasil

Sonha em começar uma carreira que paga um alto salário? Conheça cinco profissões de Humanas que podem transformar isso em realidade.