5 curiosidades sobre o serviço público que você precisa saber

Está estudando à beça para as provas de um certame? Então, conheça cinco curiosidades sobre o serviço público no Brasil.

Estabilidade, salários atrativos, mordomias exclusivas e uma aposentadoria tranquila no futuro. Tudo isso pode ser desfrutado por quem passa em um concurso. Se você sempre teve interesse em se tornar um servidor estadual, municipal ou federal, conheça cinco curiosidades sobre o serviço público no Brasil.

Afinal, antes de investir o seu tempo para estudar para as provas de um certame, é preciso conhecer as peculiaridades do funcionalismo púbico brasileiro, não é? Leia até o final e fique por dentro desse importante assunto.

Veja 5 fatos sobre o serviço público no Brasil

1) A tão sonhada estabilidade no serviço público não é um privilégio

Essa é uma das curiosidades sobre o serviço público no Brasil que muita gente acha que é pura sorte. A estabilidade no emprego para quem passa em um concurso é um direito, que também é adotado em vários outros países mundo afora.

No Brasil, a estabilidade de um funcionário público é garantida pela Constituição de 1988. Em suma, não se trata de um privilégio, mas sim uma garantia de que o servidor possa cumprir com todas as suas obrigações diárias sem sofrer qualquer tipo de pressão de gestores políticos e/ou governantes eleitos.

Por isso, a estabilidade está longe de ser um privilégio, como muitos pensam. Nada mais é do que um direito adquirido daquele concurseiro que foi aprovado em um certame da esfera municipal, estadual ou federal.

2) Servidor público pode ser demitido

Outra das curiosidades sobre o serviço público no Brasil que provavelmente você não fazia a mínima ideia. Qualquer servidor concursado pode perder a estabilidade e ser demitido em determinadas situações consideradas graves.

Abandono de trabalho por mais de 30 dias seguidos e sem nenhuma justificativa aceitável, casos de corrupção, recebimento de propina, improbidade administrativa, dentre várias outras possibilidades que acarretam  demissão, independentemente do tempo de trabalho do servidor, são bons exemplos.

Mas antes do funcionário público ser demitido, um processo disciplinar é aberto para que a investigação seja realizada. Afinal, tudo precisa ser devidamente comprovado para que a exoneração do acusado aconteça efetivamente.

3) A estabilidade no serviço público é fundamental para a nossa sociedade

Mais uma das curiosidades sobre o serviço público no Brasil que talvez você não conhecia. A estabilidade no funcionalismo público garante a proteção contra possíveis desvios de comportamento dos políticos, gestores e até mesmo dos seus apadrinhados.

A estabilidade garante que os servidores públicos tenham plenas condições de cumprir todas as suas obrigações, sem medo de serem hostilizados, sofrerem injustiças, represálias, incentivos à corrupção ou até pressões de origem política, dependendo da situação.

Por isso, a estabilidade na carreira garante que tudo aquilo que é público continue sendo benéfico toda a nossa sociedade, ou seja, o funcionalismo público precisa ser um “livro aberto” para todos os cidadãos brasileiros.

4) Metade do funcionalismo público brasileiro ganha menos de R$ 3 mil mensais

Outra das curiosidades sobre o serviço público no Brasil. Você sabia que cerca da metade dos servidores públicos brasileiros ganham até R$ 3 mil por mês? É verdade. Então, se você acha que todo funcionário público recebe salários altíssimos, está enganado.

É claro que boa parte desse pessoal faz parte de órgãos públicos estaduais e municipais, onde os salários costumam ser um pouco mais baixos. Mesmo assim, o funcionalismo público costuma pagar mais do que a inciativa privada, na maioria das vezes.

Se você estiver pensando em fazer um concurso público, não se esqueça de conferir o valor do salário oferecido. Geralmente, órgãos públicos federais pagam salários bem mais atrativos. Mas dependendo do certame e dos cargos oferecidos, o salário fica em torno de R$ 2 mil a 3 mil mensais.

5) O número de servidores públicos no Brasil é mais baixo em relação aos países desenvolvidos

Por fim, a última das curiosidades sobre o serviço público no Brasil. Você sabia que apenas 12% de todos os trabalhadores brasileiros pertencem ao funcionalismo público? É verdade. Para se ter uma ideia, nos países do Primeiro Mundo, essa taxa é de 18%.

Em suma, os países ricos têm muito mais servidores públicos trabalhando nas três esferas do que o Brasil. No Governo Federal, por exemplo, o gasto com salários dos servidores públicos está abaixo do limite máximo estabelecido pela legislação, que é de 50%.

Nos estados e municípios, acontece o mesmo (onde o limite é de 60%). Em um país com uma dimensão territorial gigantesca e com tantos problemas sociais, o número de servidores públicos deveria ser, pelo menos, 10% maior, segundos especialistas no assunto.

Leia também


você pode gostar também

Validade de concursos: como esse prazo afeta os concurseiros?

Entenda como funciona a validade de concursos públicos e saiba como esse prazo afeta a vida de todo concurseiro aprovado.

Estas 5 profissões antigas voltaram à moda no país e ganharam relevância

Conheça cinco profissões antigas que voltaram a ganhar espaço e relevância no mercado de trabalho brasileiro.

Concurso INSS: veja 5 dicas infalíveis para aplicar durante os estudos

As dicas infalíveis para aplicar durante os estudos do concurso INSS permitem que o concurseiro tenha mais organização nas etapas de aprendizagem e revisão do conteúdo.

Veja 5 coisas que você não pode colocar no seu currículo em 2022

Está procurando emprego? Saiba o que não colocar no currículo em 2022 e aumente as chances de ser convocado para uma entrevista.

5 profissões que pagam bem aos que desejam ter jornada de 20 horas semanais

Se você sempre sonhou em ter um alto salário mas sem trabalhar demais, conheça cinco profissões que pagam bem e trabalham pouco.

Profissões de Humanas: veja os 5 cargos mais bem pagos do Brasil

Sonha em começar uma carreira que paga um alto salário? Conheça cinco profissões de Humanas que podem transformar isso em realidade.