4 sinais de que você é realmente inteligente e ainda não sabe disso

A inteligência pode ser identificada por padrões de comportamento e reações, mas a Ciência encontrou características inusitadas nas pessoas inteligentes em todo o mundo.

A inteligência é uma característica universal que pode ser desenvolvida ao longo da vida, consistindo em uma habilidade adquirida pelos indivíduos a partir de algumas mudanças de comportamento. Neste sentido, existem alguns sinais que indicam inteligência nas pessoas, apesar da diferença regional e cultural.

Sobretudo, esses sinais dizem respeito aos padrões de comportamento, mas também como lidam com situações de crise, espaços novos e desafios cotidianos, seja apresentar um trabalho na frente de uma plateia ou solucionar um problema entre amigos.

Porém, nem todos os indivíduos reconhecem esses sinais porque podem ser inesperados ou inusitados. Portanto, confira os principais indicadores a seguir.

4 indicadores comuns entre pessoas inteligentes

1) Praticou ou teve aulas de música

Segundo um estudo realizado em 2013, crianças mais inteligentes que possuem pais com melhores condições financeiras conseguem ter acesso a um estudo mais amplo e mais aprofundado.

Desse modo, costumam ter aulas de música, cuja principal tendência é desenvolver as diferenças cognitivas existentes, ampliando as habilidades relacionadas à inteligência.

Além disso, uma pesquisa feita em 2004 pelo pesquisador Glenn Schellenberg mostrou que crianças de seis anos que praticam aulas de teclado conseguiram obter um aumento perceptível do QI em relação às outras crianças, principalmente aquelas que fizeram teatro ou não acessaram atividades extracurriculares.

2) Ter um gato ou uma grande afeição por felinos

Uma pesquisa realizada por Denise Guastello nos Estados Unidos revelou que os donos de gatos costumam se sair melhor em provas de inteligência, pois são mais introvertidos e sensíveis.

O estudo envolveu entrevistar 600 estudantes universitários para descobrir os traços de personalidade associados ao animal de estimação preferidos de cada um.

Em resumo, 60% dos entrevistados se mostraram como pessoas adeptas aos cães, com características extrovertidas, comunicativas e enérgicas. No entanto, isso não significa que sejam menos inteligentes, somente que suas habilidades são mais sociais do que intelectuais.

3) Aprendeu a ler cedo

Uma pesquisa realizada em 2012 com dois mil gêmeos idênticos no Reino Unido mostrou que os irmãos que aprenderam a ler mais cedo conseguem melhores notas em testes de inteligência e exames de habilidade cognitiva.

Portanto, o estudo mostrou que a leitura desenvolve as habilidades verbais e não-verbais, como raciocínio lógico, discernimento, expressividade e oratória.

4) Tem hábitos noturnos

Por fim, um estudo publicado na revista Personality and Individual Differences descobriu que as pessoas noturnas tendem a ser mais inteligentes que as pessoas matinais. Através de evidências etnográficas, os cientistas concluíram que as atividades noturnas eram mais raras antigamente.

Sendo assim, concluíram que os indivíduos se tornaram mais inteligentes, adaptando-se para desempenhar atividades durante o período da noite. Além disso, são mais aptos a adotar valores novos do ponto de vista da evolução.

Leia também

você pode gostar também

Conheça 9 profissões que não precisam de diploma

Não pôde concluir os estudos e vai começar a procurar emprego? Conheça nove profissões que não precisam de diploma e que costumam ter uma grande demanda.

Saiba como aumentar sua produtividade em 7 passos

Procura uma forma de aumentar a produtividade nos estudos para as provas do concurso? Fique por dentro de sete dicas incríveis e turbine as suas chances de aprovação.

Síndrome de Burnout: qual é a causa? Descubra como evitar

A Síndrome de Burnout é um distúrbio emocional relacionado com o excesso de trabalho, sendo considerada uma doença ocupacional por especialistas da área de saúde.

9 profissões com bons salários que não exigem nível médio

Sempre sonhou em ganhar bem, mas não quis levar os estudos adiante? Conheça nove profissões com bons salários que não exigem nível médio.

9 informações que não precisam ser citadas em seu currículo

Vai começar a procurar emprego e quer aumentar as chances de ser convocado para um processo seletivo? Então, conheça nove informações que não precisam ser citadas no currículo.

5 profissões que pagam bem e têm vagas sobrando

As profissões que pagam bem e têm vagas sobrando saem das carreiras tradicionais por acompanharem as inovações no mercado de trabalho. Porém, existem requisitos para ocupar os cargos dessa lista.